23/04/2022 às 12h34min - Atualizada em 23/04/2022 às 12h34min

Saiba a origem dos nomes dos planetas do sistema solar

TecMundo
Foto: Shutterstock
Observar planetas não é uma atividade recente. Quatro dos oito planetas de nosso sistema solar já possuíam sua trajetória no céu documentada, desde a antiguidade. Curiosos e estudiosos já observavam o céu, e utilizavam o ciclo desses astros bastante peculiares, para definir estações do ano e contar a passagem do tempo.

A tradição de nomenclatura dos planetas e de astros celestes como deuses gregos e romanos permaneceu, mesmo após a criação da União Astronômica Internacional (UAI), que entre várias outras funções, é quem determina as regras de nomenclatura dos astros celestes, desde 1919.

Os planetas do nosso Sistema Solar ganharam nomes de acordo com suas características principais, como tamanho, cor e a rapidez com que se deslocam no céu. Abaixo, saiba mais sobre os nomes de cada um desses astros.

Mercúrio
Mercúrio é o mais veloz entre os deuses romanos, e também o mais veloz planeta a completar sua órbita. Ele tem um ano de aproximadamente 88 dias terrestres, e é o planeta mais próximo do Sol. Graças a essa agilidade, recebeu o nome do deus responsável por carregar as mensagens entre as divindades.

Mercúrio tem a órbita mais rápida dentre os planetas

Mercúrio tem a órbita mais rápida dentre os planetas


Vênus
Você pode conhecer Vênus pelo nome de Estrela Dalva também. É um planeta cintilante, com brilho intenso, assim como a deusa Vênus, patrona da beleza e do amor na mitologia romana. Com essa singularidade que brilha aos olhos, os povos antigos o batizaram em homenagem a essa divindade.

Vênus é o planeta mais brilhante, e é possível visualizá-lo no céu ao entardecer ou logo de manhã

Vênus é o planeta mais brilhante, e é possível visualizá-lo no céu ao entardecer ou logo de manhã


Terra
O nome Terra foge do escopo dos deuses. A princípio, há indícios de que o nosso planeta era chamado de Gaia pelos gregos, no entanto, em alguma parte da história, surgiu o nome Terra, que se originou de palavras de origem inglesa e germânica que designavam “solo” ou “chão”.

A terra é o único planeta que não possui um nome correlacionado à mitologia greco-romana

A terra é o único planeta que não possui um nome correlacionado à mitologia greco-romana


Marte
Também conhecido como planeta vermelho, teve em sua cor a principal fonte de inspiração para que recebesse o nome do deus romano da guerra, Marte.

Apesar de ser considerado vermelho, Marte tem um aspecto de cor de ferrugem

Apesar de ser considerado vermelho, Marte tem um aspecto de cor de ferrugem


Júpiter
O gigante gasoso, e maior planeta do nosso sistema solar, recebeu o nome em homenagem ao principal deus do panteão romano.

Júpiter é um gigante gasoso, e o maior planeta no nosso sistema solar

Júpiter é um gigante gasoso, e o maior planeta no nosso sistema solar


Saturno
O planeta rodeado de anéis recebeu o nome de Saturno, rei dos titãs e comandante do mundo antes do nascimento de seu filho Júpiter, de acordo com a mitologia romana.

Apesar de ser conhecido por seus anéis, Saturno não é o único planeta a possuí-los

Apesar de ser conhecido por seus anéis, Saturno não é o único planeta a possuí-los


Urano
Apesar de ser observável a olho nu, Urano passou despercebido pelos povos da antiguidade, e só foi descoberto em 1781 pelo astrônomo Willian Herschel. O cientista achou que seria uma boa ideia nomear o planeta recém descoberto com o nome do rei inglês Jorge III. Mas sua ideia não deu muito certo, e em 1850, decidiu-se nomear o astro em homenagem ao deus grego do céu: Urano.

Urano quase foi nomeado como "Georges Star"

Urano quase foi nomeado como "Georges Star"


Netuno
Descoberto em 1846, graças a previsões matemáticas feitas a partir das perturbações da órbita de Urano, o planeta recebeu o nome do deus romano dos mares.

Apesar de serem difíceis de serem observados, Netuno também possui anéis

Apesar de serem difíceis de serem observados, Netuno também possui anéis


Só deuses gregos e romanos no sistema solar?
Mas nem só de deuses gregos e romanos se faz um sistema solar. De acordo com as regras da UAI, os planetas-anões também devem ter nomes pronunciáveis. Dentro dessa classe de astros, temos cinco participantes.

Plutão
Ex-planeta canônico, Plutão teve seu status alterado para planeta anão em 2006. Ele recebeu esse nome em homenagem ao deus romano do submundo, por acreditar-se que Plutão era uma bola de gelo sem vida. Mas ele reservava surpresas.

Plutão

Plutão


Ceres
Localizado no cinturão de asteroides entre Marte e Júpiter, Ceres recebeu seu nome em homenagem à deusa romana da agricultura.

Ceres foi descoberto em 1801

Ceres foi descoberto em 1801


Éris
É o mais distante corpo celeste já visualizado no sistema solar. Éris recebeu o nome da deusa da discórdia. E de fato, por causa de Éris se iniciou a discussão sobre o que pode ser definido como planeta.

Makemake
Terceiro maior planeta-anão, recebeu seu nome em homenagem ao deus-criador na mitologia Rapa Nui da Ilha de Páscoa.

Haumea
Foi nomeado em homenagem à deusa da fertilidade na mitologia havaiana.

Modelagem dos planetas anões

Modelagem dos planetas anões


A partir das observações do céu no passado, foi possível contar o tempo, reconhecer estações e saber as melhores épocas de plantio. Atualmente, já rompemos a atmosfera terrestre, e aos poucos estamos ganhando mais e mais o espaço. Qual será a nova descoberta, e qual nome daremos?
 

Link
Notícias Relacionadas »
Comentários »