02/08/2019 às 15h59min - Atualizada em 02/08/2019 às 15h59min

Como cuidar de espinha inflamada? Dicas para aliviar a vermelhidão e inchaço

Aprenda a cuidar da pele com espinhas inflamadas

Beleza extraordinária
Aprenda a cuidar da pele com espinhas inflamadas (Foto: Instagram @lorealskin)
O cuidado diário com a pele - incluindo limpeza, hidratação e proteção solar - é fundamental para deixá-la lisinha e evitar o surgimento de espinhas. Mas você sabe o que fazer quando a espinha já apareceu? Pode ser tentador cutucar a região inflamada ou mesmo espremê-la, mas essa pode não ser uma boa ideia.

A gente conta tudo o que você precisa sobre como cuidar de espinha inflamada. Separamos algumas dicas para você aprender o que fazer e o que não fazer quando surgem aquelas indesejadas espinhas na pele. Se você quer saber como minimizar o problema e deixar a pele bonita e lisinha novamente, vem conferir.

1- EVITE MEXER OU ESPREMER A ESPINHA INFLAMADA
Na verdade, o ideal é não tentar espremer nenhum tipo de espinha na pele. O principal motivo para isso é que cutucar ou espremer cravos e espinhas pode criar cicatrizes que viram as temidas marquinhas na pele - e pode ser muito mais trabalhoso lidar com isso depois. Além disso, quando você espreme uma espinha, cria uma porta de entrada para bactérias que podem criar uma inflamação no local. 

2- MANTENHA SUA ROTINA DE CUIDADOS COM A PELE
Quando surge uma espinha inflamada, é fundamental manter a sua rotina de cuidados com a pele, já que isso ajuda a mantê-la saudável. Para evitar que a inflamação se intensifique, é importante focar bastante na limpeza da pele - mas isso não significa que você deva deixar a hidratação de lado, ok? Se você costuma usar produtos à base de óleo, é melhor evitar o uso deles em cima da espinha.

3- CUIDADO AO ESFOLIAR A PELE COM ESPINHAS
Se você faz esfoliação da pele semanalmente e apareceu uma espinha, não precisa deixar de fazer esse cuidado. Mas é preciso tomar cuidado para não machucar a área inflamada enquanto esfolia o rosto. Por isso, a dica é esfoliar o restante do rosto, evitando esfregar os grãos sobre a espinha e tomando bastante cuidado quando esfoliar a região ao redor dela. 

4- EVITE USAR MAQUIAGENS EM CIMA DA ESPINHA
Se você é daquelas que não abrem mão da maquiagem no dia a dia, é preciso tomar alguns cuidados quando aparece uma espinha. O ideal é evitar usar qualquer tipo de maquiagem sobre a região inflamada, já que isso pode aumentar a inflamação. Se não for possível ficar totalmente sem maquiagem, prefira os produtos livres de óleos e evite fazer muitas camadas sobre a espinha.

5- CONSULTE-SE COM O SEU DERMATOLOGISTA
Se você costuma ter espinhas com frequência, é recomendado procurar um dermatologista para investigar a causa do problema e a melhor forma de tratá-lo. Ele pode indicar o melhor produto de uso local para o seu tipo de pele - afinal, todo mundo quer que as espinhas sequem bem rápido, né? - e outros tratamentos contínuos para evitar que novas espinhas apareçam.

Resultado de imagem para Como cuidar de espinha inflamada? Dicas para aliviar a vermelhidão e inchaço

Resultado de imagem para Como cuidar de espinha inflamada? Dicas para aliviar a vermelhidão e inchaço


Link
Tags »
Notícias Relacionadas »
Comentários »