27/08/2018 às 15h20min - Atualizada em 27/08/2018 às 15h20min

“Não quero ser quinto, sexto ou sétimo”, diz Alonso após rumores da Red Bull

Por Danilo Rocha
F1 Mania
Foto: AFP PHOTO / ANDREJ ISAKOVIC
A possível negociação entre Red Bull e Fernando Alonso teria sido uma das mais impactantes na F1, com as teorias sobre a dupla Alonso e Verstappen criando uma das mais temíveis parcerias na história da categoria.

Infelizmente, isso nunca aconteceu, e Alonso revela que ele não assinou com a Red Bull porque quer “ganhar novamente”.

Ele não sabe o que é uma vitória na F1 desde a corrida em Barcelona em 2013, embora tenha redescoberto o sentimento de vitória no Campeonato Mundial de Endurance (WEC),  incluindo Le Mans deste ano.

Le Mans foi a segunda vitória em busca da Tríplice Coroa do automobilismo que Alonso está buscando. Ele só tem o Indy 500 para ganhar, o que provocou rumores de ele estaria acordado com a IndyCar para 2019.

No entanto, o desejo de conquistar o título na IndyCar não foi a razão pela qual ele rejeitou a Red Bull, como revelado.

“Eu também tinha outras ofertas, mas não acho que meus alvos ou meus desafios para o próximo ano estão F1.”, disse ele ao ‘Autosport’

“As ofertas que eu tinha, incluindo aquela (Red Bull), não eram para ganhar.”

A Red Bull ficou fora do ritmo no GP da Bélgica e Alonso usou isso como prova do seu raciocínio por não se ter juntado à equipa austríaca.

“Eles provavelmente estão, no desempenho, a mais de um segundo da pole position, como vimos [na classificação para o GP da Bélgica].”, comentou Alonso.

“Ser o quinto, sexto ou sétimo não será o mesmo desafio ou entusiasmo que eu vou encontrar longe da F1 em 2019. Tomei minha decisão há alguns meses e estou extremamente feliz com isso.”, concluiu o piloto espanhol.
Link
Tags »
Notícias Relacionadas »
Comentários »