02/03/2020 às 14h45min - Atualizada em 02/03/2020 às 14h45min

Motivação no trabalho beneficia empresas e funcionários: entenda a realidade

Assessoria de Imprensa
Foto: Divulgação
Você sabia que 56% dos trabalhadores brasileiros apresentam baixos níveis de motivação no trabalho atualmente? Na prática, isso traz prejuízos tanto para a empresa, quanto para os funcionários.

Afinal, ninguém quer ficar preso em um emprego insatisfatório e nenhuma empresa quer um profissional desmotivado, que não produz o suficiente.

No entanto, como entender essa situação e revertê-la para gerar melhores resultados para todos? Veja a seguir!
 

A motivação no trabalho realmente traz benefícios positivos?

O impacto da motivação no trabalho é significativo para todas as pessoas envolvidas na situação e é o mesmo no Brasil e no resto do mundo. Para se ter uma noção, os EUA representam uma taxa desmotivação maior que a nossa: são 71% de trabalhadores desmotivados.

Na prática, eles geram uma perda de $300 bilhões de dólares para as empresas americanas, de acordo com um estudo de uma firma de consultoria. Considerando que o PIB americano é de $21 trilhões de dólares, podemos calcular a relação entre PIB, desmotivação e prejuízo.

Isso significa que cada 1% de trabalhadores desmotivados dos EUA representam uma perda de 0,047% do PIB nacional. Se aplicarmos a mesma fórmula no Brasil, chegamos a conclusão que a nossa força de trabalho desmotivada gera uma perda de 2,09% do nosso PIB. O que significa, na prática, que perdemos anualmente $38,699 bilhões de dólares por causa da baixa motivação no trabalho.

Dessa forma, é seguro afirmar que o faturamento do seu negócio poderia ser fatalmente maior caso houvesse maior motivação entre os seus funcionários.
 

Como medir a motivação da sua equipe?

Uma das principais questões sobre a motivação no trabalho, no entanto, é como medir o nível de engajamento do time da sua empresa.

Afinal, é importante saber como está o seu nível de motivação atual e compará-lo com o ideal para saber se é ou não necessário investir em estratégias e técnicas para aumentar o engajamento dos trabalhadores.

Para isso, é normal que o departamento de recursos humanos de grandes empresas apliquem um estudo de 6 métricas diferentes para medir a motivação. São elas:
 
  1. Comportamento antisocial;
  2. Resistência a novas responsabilidades ou novos projetos;
  3. Número de faltas;
  4. Número de erros;
  5. Número de saídas mais cedo;
  6. Número de trabalhos feitos de casa (caso aplique).

Essas seis métricas são as mais usadas para identificar situações em que um funcionário comece a dar sinais de que está perdendo a motivação.

Quando o resultado em geral é baixo, é normal criar uma estratégia em grupo para aumentar a motivação do grupo. Quando apenas um profissional começa a performar abaixo da média, então traça-se um plano customizado para ele.
 

Como melhorar a motivação no trabalho da sua empresa?

Agora que você já sabe como medir a motivação da sua equipe de trabalho, é chegada a hora de pensar em técnicas e estratégias que ajudem a aumentar esses valores.

Assim, você pode influenciar e controlar o nível de motivação da sua equipe no ambiente de trabalho.

Veja a seguir 4 estratégias que ajudam a melhorar a motivação do seu time!
 

1. Contrate uma palestra motivacional

Uma das mais usadas técnicas para aumentar o nível de motivação no trabalho são as palestras motivacionais. Elas são comumente utilizadas para despertar um maior nível de engajamento dos funcionários ao provocar reflexão e ativar gatilhos que faz com que eles se sintam prontos para alcançar novas metas.

Para utilizar essa estratégia, no entanto, é importante que a empresa invista na contratação de um bom palestrante para empresas, alguém cujo conteúdo realmente traga maior nível de motivação para os funcionários.

Além disso, é essencial que o conteúdo da palestra seja condizente com a sua equipe de trabalho. Não adianta nada, por exemplo, escolher um palestrante que fale com voz tranquila e um pensamento rebuscado para motivar uma equipe de vendedores de carros, que costumam ser mais agressivos, por exemplo.
 

2. Mude os hábitos dentro da empresa

Um bom ambiente de trabalho pode ser a chave para aumentar a motivação da sua equipe. Isso significa que você precisará fazer uma avaliação para ver que tipo de situação pode desengajar seus trabalhadores.

Se houver hábitos negativos como bullying ou assédios verbais, é importante corrigir a situação imediatamente para criar um espaço seguro e saudável.
 

3. Invista em treinamentos

Todo trabalhador quer sentir que a empresa acredita e investe nele. Por isso, envie seu time constantemente para capacitações, de modo que eles se tornem mais confiantes no trabalho, mas também criem um vínculo maior com a empresa.
 

4. Ouça mais os seus colaboradores

Um dos principais fatores para o baixo nível de engajamento dos trabalhadores no Brasil é o fato de nãos erem reconhecidos no ambiente de trabalho.

Por isso, ouça a sugestões do seu time, leve-as em consideração e reconheça o bom trabalho que eles fazem. Isso os manterá mais felizes.

Com essas 4 estratégias, ficará mais fácil manter a motivação no trabalho em alta e obter os melhores resultados possíveis na sua empresa.

E aí, você valoriza os índices de motivação na sua empresa? Comente abaixo com a sua opinião!

 
Link
Tags »
Notícias Relacionadas »
Comentários »