17/08/2018 às 09h19min - Atualizada em 17/08/2018 às 09h19min

Unimed Birigui realiza roda de conversa sobre amamentação

Em comemoração ao Agosto Dourado, a cooperativa médica promove evento com profissionais da saúde para falar sobre Aleitamento Materno.

Assessoria de Imprensa, Unimed
Foto: Divulgação
O mês de Agosto ficou intitulado “Agosto Dourado”, por ter o foco na conscientização da importância da amamentação. Durante todo o mês, as empresas, principalmente do segmento de saúde, realizam diversas ações que remetem a conscientização desse assunto para as grávidas, puérperas e mães.

Em adesão a este movimento e sabendo sua importância, a Unimed Birigui promoverá uma roda de conversa sobre amamentação com diversas profissionais da saúde: médica pediatra, enfermeira obstetra e nutricionista. O evento será aberto à população gratuitamente.

No evento, as profissionais promoverão debate sobre o tema, tirando dúvidas das participantes, falando sobre os mitos e verdades do aleitamento materno, cuidados com os seios e alimentação da mãe, bem como ensinarão técnicas de pega e posições corretas para uma amamentação adequada e saudável.

O evento acontece dia 22 de Agosto, as 19h , no Auditório da Unimed Birigui, localizado na Rua Saudades, 32.

Para participar, a interessada deve fazer inscrição gratuitamente pelo telefone (18) 3649-7078.
 
Sobre o Agosto Dourado

Em 2017, foi sancionada a Lei nº 13.435, de 12 de abril, que institui o mês de agosto como o Mês do Aleitamento Materno. O objetivo é intensificar ações intersetoriais de conscientização e esclarecimento sobre a importância do aleitamento materno e mobilizar a sociedade em prol da amamentação no País.

O Brasil é destaque internacional em amamentação.  Em 2017, a Organização Pan-Americana de Saúde (OPAS) reconheceu o País como referência no tema, sobretudo quanto às doações. O aleitamento materno é uma das fontes de nutrientes mais eficazes aos bebês até os seis meses de vida.

Entre 2008 e 2014, 1,1 milhão de brasileiras doaram seu leite aos bancos do País, tornando o Brasil a nação com mais doadoras no mundo. Por aliar estratégias de baixo custo com alta qualidade na implantação de bancos de leite, o Brasil passou a transferir tecnologias para 24 países da América Latina, Caribe, Península Ibérica, África e mais alguns países europeus.

Como parte das ações de incentivo à amamentação, o Ministério da Saúde promove a Campanha de Doação de Leite Materno. E a partir de 2017, os prédios públicos começaram as ser iluminados na cor dourada como símbolo do Agosto Dourado. O aleitamento é considerado padrão ouro de alimentação para crianças pela Organização Mundial da Saúde (OMS).

Fonte: http://www.brasil.gov.br/editoria/saude/2017/08/brasil-e-referencia-mundial-em-aleitamento-materno

 
Link
Tags »
Notícias Relacionadas »
Comentários »