23/09/2021 às 14h17min - Atualizada em 23/09/2021 às 14h17min

Museu Vivo Cândido Ferreira promove encontros presencial e virtual sobre a museologia social e a saúde mental

O público terá a oportunidade de se profundar no tema e trocar informações com especialistas, como o poeta, museólogo e professor Mario Chagas

Redação
Foto: Davi Matthiesen
Você já parou para pensar na importância que um museu tem para contar e eternizar parte da história de uma época e quais eram seus valores? Olhar para o retrato dessa história com mais profundidade pode contribuir para que uma sociedade não repita os mesmos erros ou ainda se aprofunde nos acertos.

O Museu Vivo Cândido Ferreira está com inscrições abertas para dois eventos gratuitos, um será presencial e outro on-line, e traz como pano de fundo o tema “Entrelaçamento entre a saúde mental e a Museologia Social”. Os workshops são oferecidos pelo Serviço de Saúde Dr. Cândido Ferreira como contrapartida ao Projeto PROAC, 13/2020, referente à Modernização de Museus, Arquivos e Acervos no estado de São Paulo.
  
Os encontros contarão com a presença de importantes especialistas e estudiosos, dentre eles o poeta, museólogo e professor Mario Chagas; a doutora em Museologia, Juliana Siqueira, e a artista visual e presidenta do Conselho Municipal de Política Municipal de Campinas, Andréa Mendes.

A equipe do Cândido Ferreira abordará temas da saúde mental, trazendo relatos das vivências de arte como processos transformadores da instituição, e da formação do valioso acervo do Museu Vivo.

“Vamos trazer para os dois encontros a dimensão do Museu Vivo Cândido Ferreira, com reflexões mais amplas que envolvem a Museologia Social e a Saúde Mental, além de ser uma oportunidade para que as pessoas possam conhecer melhor esse espaço centenário tão importante para a cidade”, destaca Gal Soares de Sordi, uma das gestoras do projeto Museu Vivo.  

Inscrições
Para o encontro presencial, que ocorre no dia 24 de setembro, das 8h às 12h, as inscrições podem ser feitas pelo link https://forms.gle/NzkspubwogcFULfJA. Estarão disponíveis 25 vagas. Já no dia 29 de setembro, o workshop acontece virtualmente, no canal do Youtube Cândido Ferreira oficial e não será necessário fazer a inscrição prévia.

Museu Vivo Cândido Ferreira
O Serviço de Saúde Dr. Cândido Ferreira é uma instituição filantrópica de saúde mental inaugurada em 1924, no distrito de Sousas, em Campinas (SP). As inúmeras atividades no campo da saúde, da convivência da diversidade humana e da cultura, desenvolvidas como processos terapêuticos e de inclusão social, resultaram na produção continuada de um variado e rico acervo que estão hoje no Museu Vivo Cândido Ferreira,  que integra a história da saúde mental no país, por meio de 4228 objetos de arte, 90 objetos de valor histórico e 17.993 documentos audiovisuais, entre fotografias e vídeos.

Programação: dia 24 de setembro
No evento presencial, o público terá a oportunidade de visitar os espaços do Cândido Ferreira e desvendar parte da história que ocorreu no local, e que marcou a história da saúde mental. Na oportunidade, o público poderá conhecer a exposição de arte Bordados de Luz, que reúne duas vertentes, fotografia e bordado, com curadoria de Marina Cesar Pestani M. de Andrade e Lucas Justo Tirloni. 

A abertura contará com a Roda de Movimento Vital Expressivo (MVE), orientada por Solange Aguiar Souza, instrutora de MVE, e pela doutora em museologia Juliana Siqueira.  Em seguida, a roda de conversa contará com a presença da terapeuta ocupacional, sanitarista e presidente do conselho diretor do SSCF, Sandrina Kelem Indiani; da psicóloga, artista e gestora da Casa dos Sonhos, Gal Soares de Sordi; da doutora em Psicologia, Juliana Aleixo. A mediação ficará por conta da psicóloga e mestre em saúde coletiva Bianca Bedin.
 
Programação on-line: dia 29 de setembro
O encontro virtual acontece no 29 de setembro, das 14h30 às 17h. A programação do dia contará com uma das referências da Museologia, o poeta, museólogo, professor e letrista Mario Chagas, também doutor em Ciências Sociais pela UERJ, presidente do Movimento Internacional para Nova Museologia e diretor do Museu da República do Instituto Brasileiro de Museus. 

A mesa de conversa reunirá, ainda, Andrea Mendes, graduada em Artes Visuais, curadora, artista visual e atual Presidenta do Conselho Municipal de Política Cultural de Campinas, e Juliana Siqueira, especialista cultural na Secretaria Municipal de Cultura de Campinas, doutora em Museologia, colaboradora da estruturação do Museu Vivo Cândido Ferreira. Participam do encontro,  Bianca Berdin e Gal Soares.

Sobre o Serviço de Saúde Dr. Cândido Ferreira

Fundado em 1924, o Serviço de Saúde Dr. Cândido Ferreira é uma entidade filantrópica que desde seu início, acolhe, cuida, trata de forma gratuita de pessoas com transtornos mentais e dependência química da cidade de Campinas. 

Até a década de 1990, o Cândido Ferreira realizou atendimentos como hospital psiquiátrico acompanhando os modelos tradicionais de tratamento da época. 

A partir de então, a instituição passou a ampliar suas ações por meio da Reabilitação Psicossocial, visando oferecer serviços com bases comunitárias, proporcionando, além do tratamento de saúde mental, também a inclusão social dos usuários. 

O Cândido Ferreira foi pioneiro na adesão ao movimento da Reforma Psiquiátrica, adotando o tratamento humanizado, abolindo o uso de eletrochoque, camisa-de-força e o confinamento dos pacientes.

Com 39 unidades de serviço alocadas em todas as regiões de Campinas, o Cândido Ferreira realiza cerca de 6.500 atendimentos ao mês e conta com 950 funcionários. 

Crianças, adolescentes, adultos e idosos são acolhidos e atendidos em unidades que realizam desde o tratamento psiquiátrico até a inclusão pelo trabalho, visando como objetivo comum, a valorização da vida.

Os atendimentos são oferecidos nas estruturas:

- CAPS (Centros de Atenção Psicossocial);
- Centros de Convivência;
- Consultório na Rua;
- Residências Terapêuticas;
- Oficinas de Inclusão Social pelo Trabalho e Projetos Culturais.


Todos os serviços do Serviço de Saúde Dr. Cândido Ferreira compõem a RAPS - Rede de Atenção Psicossocial.

Para mais informações sobre o Cândido Ferreira, acesse o site https://candido.org.br/portal/.

Serviço: 
Workshops “Entrelaçamento entre a saúde mental e a Museologia Social”

Dia: 24/09, das 08 às 12h (atividade Presencial) - 4h.
Vagas: 25 vagas.
Local: Casarão Cândido, Rua Helena Fabrini, s/nº, Sousas, Campinas.
Inscrições: https://forms.gle/NzkspubwogcFULfJA (vagas limitadas).

Dia: 29/09, das 14h30 às 17h (virtual)
Transmissão: Canal Youtube Cândido Ferreira oficial. https://www.youtube.com/servicodesaudedrcandidoferreira
Não precisa de inscrição.
 

Link
Notícias Relacionadas »
Comentários »