15/07/2020 às 11h17min - Atualizada em 15/07/2020 às 11h17min

Campanha distribui materiais de higiene e cestas de alimentos a asilos

Com informações do MMFDH
Assessoria de Imprensa
Projeto de extensão Boas Práticas, da Universidade de Passo Fundo (UPF) - Foto: Universidade de Passo Fundo/Monalise Canalle (Bolsista de Extensão do Projeto Boas Práticas)
A campanha Solidarize-se, focada nos idosos que vivem em abrigos, arrecadou e distribuiu mais de 100 mil máscaras de proteção individual, cerca de 7 mil cestas básicas e 3,6 mil kits de higiene em quatro regiões do País. Os números são do balanço divulgado, nessa segunda-feira (13), pelo Ministério da Mulher, da Família e dos Direitos Humanos (MMFDH).

Até o momento, a iniciativa contemplou os estados da Bahia (BA), Ceará (CE), Paraíba (PB), Pernambuco (PE), Rio Grande do Norte (RN), São Paulo (SP), Minas Gerais (MG), Rio de Janeiro (RJ), Goiás (GO), Santa Catarina (SC) e Paraná (PR).

O objetivo da campanha é conscientização sobre o abandono afetivo, promover o fortalecimento dos direitos previstos no Estatuto do Idoso (Lei 10.741/03) e ajudar àqueles que mais precisam durante a pandemia do novo coronavírus. Nesta primeira fase da ação nacional, foram selecionadas 500 instituições de longa permanência para idosos (ILPIs) para receber o auxílio em forma de kits de higiene e cestas básicas.

"Essa etapa da ação consiste em apoiar as Instituições de Longa Permanência para Idosos (ILPIs) e contribuir para a superação das dificuldades vivenciadas, mas a principal vocação é sensibilizar a sociedade, a comunidade, as famílias brasileiras para engajarem-se nessa corrente do bem. Todos podem contribuir", ressalta o secretário nacional de promoção e defesa dos direitos da pessoa idosa do MMFDH, Antonio Costa.

Centro-Oeste
Em Goiás, foram beneficiadas 7 ILPIs dos municípios de Inhumas, Goianésia, Catalão, Jussara, Jaraguá, Luziânia e Águas Lindas de Goiás. Ao todo, 432 idosos foram contemplados com a distribuição de 33,7 mil máscaras de proteção individual, 653 cestas básicas e 390 kits de higiene.

Nordeste
Salvador e Lauro de Freitas foram os municípios contemplados na Bahia. O estado recebeu 15,1 mil máscaras, 253 cestas e 151 kits de higiene, que chegaram a 184 idosos. Já no Ceará, 25,3 mil máscaras, 568 cestas e 352 kits foram entregues a 348 idosos em Fortaleza, Caucaia, Eusébio, Canindé, Crato e Horizonte.

Na Paraíba, ILPIs de Solânea, Cajazeiras, Patos, Bayeux e Santa Rita receberam 9,5 mil máscaras, 293 cestas e 178 kits de higiene, destinados a 113 idosos.

No Rio Grande do Norte, a ação resultou na entrega de 6,4 mil máscaras, 108 cestas básicas e 64 kits de higiene para 77 pessoas idosas dos municípios de Parnamirim, Parelhas e Arez.

E em Jaboatão dos Guararapes, Pernambuco, foram entregues 8,9 mil máscaras, 745 cestas e 448 kits para 493 idosos.

Sudeste
Instituições de São Paulo receberam 1,1 mil cestas básicas, 276 kits de higiene e 251 máscaras de proteção individual. Em Minas Gerais, foram entregues 125 cestas básicas, 439 kits de higiene e mais de 1,2 mil máscaras. Já no Rio de Janeiro, foram 1,6 mil cestas e 690 kits.

Sul
Na região Sul, 269 idosos foram beneficiados com 344 cestas e 144 kits em Santa Catarina. Já no Paraná, mais de 1,1 mil cestas e 469 kits chegaram a 888 idosos.

Solidarize-se
Lançada em dezembro de 2019, a campanha Solidarize-se conta com uma cartilha sobre o abandono afetivo de idosos institucionalizados. Além de fomentar a necessidade da adoção de uma nova postura com os idosos, tem como objetivo a valorização das instituições que desempenham papel importante na promoção de cuidados com a pessoa idosa.

As ILPIs interessadas em receber auxílio do Governo Federal devem preencher o formulário de inscrição. Acesse aqui

Faça o download da Cartilha Solidarize-se
 
Link
Notícias Relacionadas »
Comentários »