20/09/2018 às 14h05min - Atualizada em 20/09/2018 às 14h05min

​Três pessoas são presas pela PM, após assaltarem um cartório em Araçatuba

Com o trio foi apreendido mais de R$ 12 mil que teriam sido levados do estabelecimento comercial

AtaNews
Foto: Polícia Militar
Na manhã desta quarta-feira (19) três pessoas foram presas pela Polícia Militar, acusadas de realizarem um assalto em Araçatuba. O fato ocorreu em um cartório de notas localizado no bairro Centro.

Conforme boletim de ocorrência, a polícia foi acionada via COPOM (Centro de Operações da Polícia Militar) a comparecer no endereço, onde um funcionário de 39 anos informou ter sido rendido por um indivíduo que estava de capacete e em posse de uma arma de fogo. O assaltante exigiu que a vítima deitasse no chão, em seguida, foi até as mesas, arrombou as gavetas e subtraiu a quantia de R$ 10 mil em dinheiro.

Câmeras de segurança de estabelecimentos vizinhos flagraram o momento em que o suspeito entrou em um veículo Ford Fusion e se evadiu rapidamente.

Diante das informações, os policiais saíram em diligência pela cidade e localizaram o carro no cruzamento da avenida Prestes Maia com a rua Marcílio Dias, no bairro Planalto, o qual era ocupado pelo suspeito de 24 anos, sua convivente de 22 anos e sua filha de seis meses.

Abordados e em revista pessoal, foi localizada a quantia de R$ 1.220 mil em notas diversas, um aparelho celular e um capacete idêntico ao usado no assalto. O casal ao ser indagado, informou que o dinheiro pertencia ao trabalho de ambos, porém ao serem indagados separadamente, acabaram confessando o roubo.

O rapaz ao ser perguntado sobre a arma de fogo utilizada, informou que se tratava de um revólver calibre 32, o qual havia permanecido com seu amigo que também participou do roubo, sem identificá-lo.

Os policiais inquiriram o autor sobre o restante do dinheiro e este relatou que estaria em seu apartamento localizado na rua Aviação, onde a PM se deslocou e durante buscas, localizou a quantia de R$ 11.445 mil, totalizando juntamente com a quantia anterior apreendida, o valor exato de R$ 12.665.

A polícia teve acesso a câmeras de segurança do condomínio, onde flagraram o terceiro envolvido no roubo de 28 anos, o qual já é conhecido nos meios policiais.

Em buscas, a fim de encontrá-lo, os policiais localizaram o terceiro indivíduo em sua casa no bairro Aviação. Ao ser abordado e indagado, confessou a participação no crime, porém não deu detalhes.

Diante dos fatos, ambos receberam voz de prisão e foram conduzidos ao plantão policial, onde permaneceram a disposição da justiça para audiência de custódia. A criança foi entregue ao Conselho Tutelar.

O dinheiro foi entregue ao proprietário do cartório.
Link
Tags »
Notícias Relacionadas »
Comentários »