12/09/2018 às 11h34min - Atualizada em 12/09/2018 às 11h34min

Preços mais baixos dos alimentos apoiam queda na inflação das famílias mais pobres

Entre os produtos com preços mais baratos em agosto, aparecem os tubérculos, carnes, leites e derivados, aves e ovos

Portal Brasil
Baixa nos valores para as famílias de renda mais alta ocorreu em menor escala - Foto: Pixabay
A inflação do mês de agosto para as famílias de renda teve retração duas vezes maior que a registrada entre as famílias de renda alta (-0,06%), caiu 0,12%. O dado foi divulgado nesta terça-feira (11) pelo Indicador Ipea de Inflação por Faixa de Renda. 

A queda dos preços de alimentos no domicílio foi a principal responsável pela baixa. Entre os produtos com preços mais baratos, aparecem os tubérculos (-9,7%), carnes (-1,5%), leites e derivados (-1,3%), aves e ovos (-1,3%); além do gás de botijão (-1%).  

O Instituto de Pesquisa Econômica Aplicada (Ipea) explica ainda que a queda nos valores para as famílias de renda mais alta ocorreu em menor escala, para produtos como a gasolina (-1,5%) e as passagens aéreas (-26,1%).

Link
Tags »
Notícias Relacionadas »
Comentários »