17/08/2018 às 14h15min - Atualizada em 17/08/2018 às 14h15min

Operação apreende móveis em avenidas de Ribeirão Preto

Presente em várias avenidas da cidade, comércio irregular é alvo de fiscalização e de apreensões de cadeiras, mesas e redes de descanso

Assessoria de Imprensa
Foto: Divulgação
Uma operação conjunta entre Fiscalização Geral do Município e Guarda Civil Municipal na tarde desta quinta-feira, dia 16 de agosto, resultou na apreensão de móveis (cinquenta cadeiras e mesas) na rotatória da avenida Costábile Romano no cruzamento com a avenida Leão XIII. Além de redes de descanso, na avenida Adelmo Perdizza, na zona Oeste.

Segundo Antônio Carlos Muniz do Departamento de Fiscalização Geral, o comércio de móveis em vias públicas é proibido em Ribeirão Preto.



“A Legislação Municipal não permite a comercialização nestes locais; sempre que nos deparamos com situações como essa o material é apreendido. O ambulante comete infração e só pode retirar a mercadoria mediante o pagamento de multa”, informa o chefe da fiscalização.

As redes e tapetes são permitidas à venda desde que não seja em ponto fixo. Esses artigos não podem ser expostos nas árvores dos canteiros centrais das avenidas, nem em postes e placas. “O vendedor ambulante tem que circular com a mercadoria”, esclarece.  



Geralmente este tipo de comércio em avenidas da cidade é praticado irregularmente por pessoas que vem de outras regiões para explorar ilegalmente o comércio de Ribeirão Preto. “É uma concorrência desleal com o comerciante e empresário de Ribeirão Preto, que recolhem seus encargos e pagam às custas do ponto para manter a atividade comercial”, salienta Muniz. 

 
Link
Tags »
Notícias Relacionadas »
Comentários »