20/08/2020 às 15h13min - Atualizada em 20/08/2020 às 15h13min

Pilates: Treino ideal para voltar a rotina pós quarentena

O Pilates segue ganhando novos adeptos e tem se mostrado atividade importante para a retomada dos treinos com carga.

Vida Plena e Bem Estar
Foto: Divulgação
Considerada uma das mais democráticas entre todas as atividades, não tem restrição de idade, nem exige condicionamento físico. Jovens, adultos, grávidas e idosos podem praticar sem medo. Porém, por se tratar de uma atividade de baixo impacto, algumas pessoas ainda têm dúvida sobre a eficácia dos movimentos na perda de peso.

“As pessoas associam o suor a eliminação de gordura. É algo como, se não suei, o exercício não rendeu” – brinca Ana Luisa Marçal, fisioterapeuta e diretora clínica do Instituo Pilates, unidade de Guarulhos.

A especialista confirma que o Pilates pode auxiliar no processo de emagrecimento, contudo, esse não é o real foco da atividade.

“A prática é excelente para o aumento da flexibilidade, tonificar os músculos, combater dores, melhorar a postura e aumentar a força e quando aliado à dieta e a prática de outra atividade física com elevado gasto calórico pode sim ajudar a emagrecer, sozinha, ela trará outros benefícios” – resume.

No entanto, se você já está pensando em desistir e partir para outra atividade que gaste mais calorias a fisioterapeuta aconselha dar uma chance ao exercício.

“Muitos acreditam que a única maneira de esculpir o nosso corpo é queimando o máximo de calorias possível, porém, se o seu corpo não estiver preparado corretamente para exercícios de alto impacto poderão surgir desequilíbrios musculares e dores nas articulações, o que não é nada saudável e pode te afastar do seu objetivo final” – garante.

Ana Luísa explica ainda que a introdução do Pilates na rotina de atividades poderá ter papel fundamental para o resultado final. Ele garantirá que todas as articulações funcionem corretamente deixando os músculos ainda mais fortes, o que por sua vez, ajudará a evitar dores e lesões.

O Pilates também incorpora exercícios respiratórios, o que significa que ele é capaz de acalmar o sistema nervoso. Isso é importante não apenas para evitar o cansaço, mas também para evitar o aumento dos níveis de cortisol, conhecidos por desacelerar a perda de peso, uma vez que o cortisol estimula a produção de glicose, que pode se transformar em gordura.

Outra vantagem da atividade é conseguir amenizar sintomas de estresse e a ansiedade. “Um principio fundamental do Pilates é a respiração. Você aprende a respirar corretamente, o que ajuda a acalmar o cérebro, criando uma resposta psicológica no corpo que naturalmente diminui o estresse e a ansiedade”.

Por fim, quem está em busca do corpo perfeito obterá muitos benefícios do exercício. “Sentir-se melhor, tanto mental quanto fisicamente, também o ajudará a cuidar do seu corpo e o Pilates pode ser uma parte essencial do objetivo de perda de peso” – finaliza Ana Luísa Marçal.
 
Link
Tags »
Notícias Relacionadas »
Comentários »