21/05/2020 às 15h57min - Atualizada em 21/05/2020 às 15h57min

Governo lança canal para trabalhador registrar denúncias trabalhistas

Site permite registro de reclamação sem que o trabalhador tenha que ir a uma regional do Trabalho

Governo do Brasil
O canal pode ser usado para denúncias, reclamações e registro de irregularidades. - Foto: Minne Santos/Agência Alagoas
É graças à tecnologia que existe a oportunidade de levar informações e os principais acontecimentos de forma rápida, atualizada e assertiva para pessoas de qualquer lugar do mundo. Devido a ela, muitas empresas ainda permanecem de portas abertas e não sucumbiram à crise instaurada pelo novo coronavírus.

O mercado tecnológico, por sua vez, engloba uma série de soluções, ferramentas e profissionais especializados.

É evidente a importância e a presença da tecnologia na atualidade, contudo, é preciso ter ousadia para se destacar no mercado profissional e implantar novas ideias e medidas, que atendam às necessidades de consumidores e empresas.

Algumas das profissões que são tendências na área de tecnologia são novas para todos. Empresas buscam profissionais engajados, criativos e capazes de se atualizar constantemente. A tecnologia se renova a cada dia. Sempre é possível presenciar os lançamentos de novos celulares, novos carros, novas formas de se comunicar e se locomover. Segundo um estudo da Dell Technologies, 85% das profissões que existirão em 2030 ainda não foram inventadas.

Depois de todo o caos e as reestruturações de empresas do mundo inteiro para lidar com o home-office, existe alguma dúvida de que as profissões do futuro vão se reinventar? Elas vão estar cada vez mais ligadas a estratégias remotas e inteligentes!

Vivemos em um tempo mais rápido e dinâmico. As pessoas que não se atualizam, perdem espaço no mercado. Algumas posições vão deixar de existir e outras estão se transformando.

A Secretaria de Trabalho, do Ministério da Economia, criou um canal para o registro de denúncias trabalhistas. O canal pode ser usado para denúncias, reclamações e registro de irregularidades. 

Por ele, o trabalhador pode fazer o registro de sua reclamação sem que  tenha que ir a uma das unidades das superintendências regionais do Trabalho. Para acessar, é preciso cadastrar o CPF e uma senha na área de acesso ao portal Gov.br. Não é possível fazer denúncia anônima, no entanto, os dados do denunciante são sigilosos e não serão divulgados no curso de uma possível fiscalização.

De acordo com o Ministério da Economia, a denúncia on-line vai reduzir custos e permitir a melhora na gestão pública como, por exemplo, no caso de servidores que atuavam no atendimento presencial e poderão ser deslocados para realizar outras atividades.
 
Acesse a página de denúncia trabalhista

Fonte: Com informações da Casa Civil e do Ministério da Economia 
Link
Tags »
Notícias Relacionadas »
Comentários »