03/03/2020 às 08h50min - Atualizada em 03/03/2020 às 08h50min

Operação Carnaval Mais Seguro: mais de 2,4 mil pessoas são detidas

Durante os períodos festivos, mais de 22 mil policiais militares trabalharam nas operações, com mais de 1,4 tonelada de drogas apreendida

Governo do Estado de São Paulo
Foto: Divulgação

A Operação Carnaval Mais Seguro levou às ruas, em média, mais de 22 mil policiais militares em todo o Estado para garantir a segurança da população durante o carnaval. Durante os períodos festivos de Carnaval, mais de 319 mil pessoas foram abordadas. Deste total, mais de 2,4 mil pessoas foram detidas pelas polícias Militar e Civil.

As atividades policiais nos períodos pré (15 e 16 de fevereiro), carnaval (21 a 25 de fevereiro) e pós (29 de fevereiro e 1º de março) resultaram na detenção de 2.462 pessoas, sendo 1.717 adultos presos, 136 adolescentes apreendidos e 609 foragidos da Justiça que foram capturados.

Além disso, foi apreendida mais de 1,4 tonelada de drogas, entre crack, cocaína e maconha, além de 700 comprimidos de ecstasy e 5,7 litros de lança-perfume. No mesmo período, 167 armas ilegais foram retiradas de circulação em São Paulo.

Também foram apreendidos 214 celulares, sendo 69 recuperados, que haviam sido roubados e/ou furtados e foram devolvidos aos proprietários. Além destes, outros 575 aparelhos haviam sido recolhidos e nove pessoas detidas, durante a operação ‘Conexão Dakar’, cujas as últimas diligências haviam sido deflagradas na última quarta-feira (26) no aeroporto de Guarulhos e no centro de São Paulo.

Para garantir a segurança no trânsito, as equipes da Polícia Militar também fiscalizaram mais de 212 mil veículos. Os condutores foram submetidos ao teste do etilômetro. Ao todo, 8.601 foram autuados por dirigir sob influência álcool ou substâncias psicoativas ou por se recusarem a realizar o teste.

No período, ainda foram recuperados 517 veículos. Também foram realizados 7.127 resgates e 1.716 salvamentos pelas equipes do Corpo de Bombeiros. Além disto, foram atendidas 1.143 ocorrências de incêndios nesse período no Estado.
 

Link
Tags »
Notícias Relacionadas »
Comentários »