10/01/2020 às 14h02min - Atualizada em 10/01/2020 às 14h02min

Resoluções

OPINIÃO DO LEITOR

Marcelo Oliveira
"O coração do homem planeja o seu caminho, mas o SENHOR lhe dirige os passos." (Pv 16:9)

Mais um ano que se inicia e com ele expectativas, sonhos e a esperança de realizações, mesmo que saibamos que isto não está sob nosso controle.

A Bíblia nos mostra que o Senhor Deus está acima e no controle de tudo e todos e seus propósitos não podem ser frustrados, mas isso não impede que tracemos planos, imponhamos metas e busquemos objetivos; é salutar e isso também nos torna humanos.

Apesar das probabilidades, o Senhor nos deu em 2019 de presente um presidente que busca reerguer o país e, consequentemente, nosso orgulho de cidadãos. Ao menos por um período.

Esse refrigério pode ser longo, pela misericórdia de Deus, mas também pode ser curto pela Sua justiça, pois, apesar de 30 anos de suplício, corrupção e descaso, o povo tem memória curta, e crítica o melhor presidente que o país já teve (ao menos neste primeiro ano).

"Antes de tudo, recomendo que se façam súplicas, orações, intercessões e ações de graças por todos os homens; pelos reis e por todos os que exercem autoridade, para que tenhamos uma vida tranquila e pacífica, com toda a piedade e dignidade.
Isso é bom e agradável perante Deus, nosso Salvador"
(1 Tm 2:1-3)

Este novo ano trás ainda, novamente, o exercício de cidadania e responsabilidade, que são as eleições.
A guerra dos aspirantes já começou, a destruição de reputação se acentuará no decorrer do período. 

Estejamos atentos para, apesar da dificuldade, reconhecermos quem realmente está disposto a servir seu povo.
Executivo ou Legislativo, não importa, importa sim que busquemos, especialmente aqui em Araçatuba, o bem-estar de todos e não olhemos somente nosso umbigo.

Assim, até lá, oremos pelos nossos líderes, para que tenhamos paz; sejamos gratos pelo que o Senhor nos deu e o louvemos pela sua bondade.

Que 2020 seja melhor que os anos anteriores, tanto na política quanto em nossa vida privada, e que a paz nos acompanhe por todo este período.


"Marcelo Oliveira, teólogo e ativista político, apaixonado por leitura"



Síndrome de Estocolmo
Link
Tags »
Notícias Relacionadas »
Comentários »