19/12/2018 às 10h49min - Atualizada em 19/12/2018 às 10h49min

Prefeitura de São Paulo conclui entrega de óculos para pessoas com deficiência visual em todas as 54 bibliotecas municipais

Secretaria Municipal de Cultura conseguiu antecipar a conclusão de entregas dos aparelhos que transformam o conteúdo de textos em áudio, que era programada para 2020

Assessoria de Imprensa
Foto: Divulgação
A Prefeitura de São Paulo, por meio da Secretaria Municipal de Cultura (SMC), concluiu nesta terça-feira (18) a entrega dos óculos para pessoas com deficiência visual em todas as 54 bibliotecas municipais. Com a última unidade entregue à Biblioteca Camila Cerqueira César, no Butantã, Zona Oeste, cada unidade possui ao menos um aparelho que transforma, instantaneamente, o conteúdo de textos de qualquer superfície em áudio, permitindo que os leitores com deficiência visual tenham acesso a todo o acervo da rede municipal e não apenas ao acervo em Braile e os audiolivros.

Idealizado este ano, o projeto teve início em junho, quando o secretário de Cultura André Sturm e o prefeito Bruno Covas entregaram a primeira unidade na Biblioteca Paulo Sérgio Duarte Milliet, no bairro da Água Rasa, na Zona Leste da cidade. A previsão inicial era de que até o final de 2020 tivessem ao menos um par de óculos, mas essa meta foi alcançada ainda esse ano.

"Quando começamos a entregar estes equipamentos a nossa meta era chegar a 30 bibliotecas neste ano de 2018, mas conseguimos agora entregar para todas as bibliotecas administradas pela Secretaria Municipal de Cultura. A secretaria da Pessoa com Deficiência também está adquirindo mais dez, que serão enviados para as bibliotecas com maior demanda", disse o prefeito Bruno Covas.

A iniciativa faz parte do programa Biblioteca Viva, lançado no ano passado com o objetivo de incentivar a leitura. Com o aparelho, as pessoas com deficiência visual poderão buscar nas próprias estantes das bibliotecas o livro que desejar, garantindo também mais autonomia aos frequentadores.

Desenvolvido pela Mais Autonomia Tecnologia Assistiva, o aparelho é uma pequena câmera inteligente que, acoplada às hastes de qualquer par de óculos, escaneia e lê os mais variados tipos de textos, códigos de barras, cores e cédulas de dinheiro. Também existe a possibilidade de reconhecimento de rostos que estiverem previamente cadastrados, em tempo real. Estes equipamentos podem ser utilizados para ler qualquer tipo de texto em livros, jornais, revistas, placas de rua, cardápios de restaurantes e nomes de lojas, além de mensagens de celular e folhetos.
Biblioteca Camila Cerqueira César
A Biblioteca Camila Cerqueira César dispõe de um acervo para consulta com mais de 25 mil exemplares, entre lançamentos de ficção, biografias, revistas e obras de referência para vestibulares das principais universidades. De janeiro a novembro de 2018, cerca de 14 mil pessoas frequentaram o equipamento.
 
Link
Tags »
Notícias Relacionadas »
Comentários »