05/11/2018 às 12h04min - Atualizada em 05/11/2018 às 12h04min

Estratégias para se adaptar ao horário de verão

Dicas

Andreia Silveira
O horário de verão confunde o ritmo do seu organismo, especialmente se você segue uma rotina, com horários programados para comer e dormir. Assim como quando você faz uma viagem e precisa se acostumar ao fuso horário, o início do horário de verão também mexe com todo o seu corpo.
De acordo com especialistas, nosso corpo pode levar de sete a dez dias para entrar no novo ritmo. Porém, você pode contribuir para que, durante esse processo, não fique prejudicado. Confira algumas dicas!

Dicas para se adaptar ao horário de verão mais rápido

Nosso corpo precisa descansar o suficiente para trabalhar melhor e isso você já deve saber. Porém, com a mudança brusca de horários, ele entra em uma espécie de conflito.
Ou seja, está acostumado a um determinado ritmo e de repente, tudo muda. Conforme relatado pelo especialista Renato Costa, da Universidade Guarulhos (UNG) quando muda o horário, temos mais dificuldades para dormir. Isso traz consequências negativas, como sonolência, baixo rendimento escolar ou no trabalho, mau humor, entre outras. Veja aqui como ajudar o seu corpo a se adaptar:

1. Faça refeições moderadas


Prefira comer alimentos leves no primeiro dia e também sempre antes de se deitar. Isso contribui muito para a digestão, já que o seu organismo não precisa se esforçar tanto.

2. Pegue leve

Tenha um ritmo mais leve no primeiro dia em que o horário de verão entra em vigor. Aproveite para fazer um passeio pela natureza, como ecoturismo, praticar ioga ou outras atividades que relaxam.

3. Organize os horários de suas atividades

Fixe horários para cada uma de suas atividades e cumpra o máximo que puder para que o seu corpo não sofra com alguns distúrbios, como sono e fome fora de hora, o que gera maior cansaço e desânimo.

4. Durma mais

O horário de verão começa no domingo, especialmente para que as pessoas possam se adaptar, um pouco, ao novo horário. Porém, como já mencionamos, o nosso corpo leva pelo menos sete dias para se adaptar. Então, vá para a cama mais cedo do que o habitual ou diminua a claridade na sua casa, leia um livro e evite assistir noticiários, filmes de ação e praticar exercícios físicos até duas horas antes de se deitar.

Entenda seu relógio biológico

Todos nós temos um relógio biológico e este precisa ser respeitado para que não se prejudique o organismo. É importante saber que antecipar momentos do dia, pode alterar os níveis hormonais, temperatura corporal e seu metabolismo.

Com isso, você acaba ficando menos alerta no decorrer do dia e produzirá menos, independente da sua atividade diária. Além disso, dormir bem é essencial para manter uma boa saúde física e mental, por isso se deve respeitar as horas de sono.

Aproveitando esse assunto, nem todo mundo sabe quantas horas de sono deve ter, já que existe uma quantidade de horas ideais, de acordo com a idade. Ou seja, existe um limite mínimo e máximo para que você obtenha os benefícios de uma boa noite de sono.
As crianças, por exemplo, devem dormir cerca de 11 horas, enquanto que pessoas adultas, de 7 a 9h de sono por noite.
Agora que você conhece a importância de respeitar o seu sistema biológico e sabe como se preparar para a mudança de horário, coloque essas dicas em prática!

https://www.planodesaude.net/
 
Link
Tags »
Notícias Relacionadas »
Comentários »