13/02/2020 às 07h46min - Atualizada em 13/02/2020 às 07h46min

GS Inima Samar entrega obra de reversão de esgoto da Zona Norte

Direcionamento do esgoto da zona norte para a Estação de Tratamento Baguaçu beneficiou o bairro do Taveira, 4 Distritos Industriais e mais de 40 bairros da cidade

Assessoria de Imprensa
Foto: Divulgação

A GS Inima Samar realizou na manhã desta quarta-feira (12/02), a entrega oficial da obra de Reversão das Bacias de Esgotamento dos córregos Tropeiros, Espanhóis e Engenheiro Taveira. O evento, realizado no auditório da empresa, reuniu mais de 100 convidados, entre colaboradores da empresa, autoridades municipais, empresários e moradores da região beneficiada.
 
Inciada em 2017, a obra de reversão do esgoto, exigiu investimentos de R$ 33 milhões. Para o CEO da GS Inima Samar, Paulo Roberto de Oliveira, essa é considerada uma das maiores obras de esgotamento sanitário. “Nosso compromisso é garantir a segurança hídrica, oferecer serviços de qualidade, com inovação e sustentabilidade, proporcionando mais qualidade de vida e desenvolvimento econômico com a instalação de novas industrias e conjuntos habitacionais”, conclui. 

 
Os investimentos realizados para melhorias no abastecimento de água, coleta e tratamento de esgoto de Araçatuba já colocam a cidade muito à frente das demais do país. "Realizamos a obra dentro das melhores tecnologias e parâmetros de qualidade, e o principal: pensando no futuro. Hoje o bairro do Taveira tem cerca de mil pessoas, mas preparamos uma infraestrutura para atender até 20 mil, ou seja, garantimos o crescimento da região" explica, Rondinaldo de Lima, diretor técnico da Gs Inima Samar.

 
Segundo Dilador Borges, prefeito de Araçatuba, a obra trouxe importantes melhorias para a população, principalmente aos moradores do bairro de Taveira. “Agora podemos iniciar mais uma etapa de benefícios para esses moradores, que será titularizar todos os imóveis que ainda não possuem escritura”, enfatiza.
 
Ainda no primeiro semestre a GS Inima Samar tem no seu calendário importantes entregas, como a nova Estação de Tratamento de Água – ETA 4, Usina de Secagem Térmica de Lodo, inédito no Brasil, setorização e redundância do abastecimento do Jussara.

Link
Tags »
Notícias Relacionadas »
Comentários »