17/09/2019 às 09h45min - Atualizada em 17/09/2019 às 09h45min

Lesão por Esforço Repetitivo: entenda como surge e como tratar

Distúrbio provoca dor e inflamação e pode alterar a capacidade funcional da região comprometida; tratamento inclui medicamentos e repouso

Governo do Estado de São Paulo
Foto: Imagem Ilustrativa
A Lesão por Esforço Repetitivo, conhecida como L.E.R., é uma síndrome formada por um grupo de doenças que afeta músculos, nervos e tendões principalmente dos membros superiores, além de sobrecarregar o sistema musculoesquelético.

Segundo o médico especialista em mãos, Edgar França, todo mundo confunde uma atividade de repetição com um trabalho, como a digitação. “Uma atividade doméstica pode ser uma atividade de repetição. Jogar vídeo game pode ser considerada uma atividade de repetição e qualquer atividade de repetição que leva a um problema inflamatório pode levar a esse conjunto de infecções ou doenças que a gente chama de LER”, explica.

O distúrbio provoca dor e inflamação e pode alterar a capacidade funcional da região comprometida. Ela é causada por mecanismos de agressão, que vão desde esforços repetidos continuadamente ou que exigem muita força na sua execução, até vibração, postura inadequada e estresse.

A jornalista Renata Pacheco Tavares conta que tem a doença desde os 18 anos e, após sentir fortes dores no punho, decidiu procurar o médico. “É um problema que sempre vai e volta. Quando está muito forte tenho que tomar anti-inflamatório ou usar uma tala para imobilizar durante um tempo. Quando passa a dor, tenho que tomar cuidado para não digitar demais”, afirma.

Resultado de imagem para Lesão por Esforço Repetitivo: entenda como surge e como tratar

Sintomas

Os principais sintomas incluem dor nos membros superiores e nos dedos, dificuldade para movimentá-los, formigamento, fadiga muscular, alteração da temperatura e da sensibilidade, redução do movimento e inflamação.

Nas crises agudas de dor, o tratamento inclui o uso de anti-inflamatórios e repouso. Nas fases mais avançadas da síndrome, a aplicação de corticoides na área da lesão ou por via oral, fisioterapia e intervenção cirúrgica são recursos terapêuticos que devem ser considerados.

O diagnóstico é basicamente clínico. O mais importante é determinar a causa dos sintomas para escolher o tratamento adequado.

Resultado de imagem para Lesão por Esforço Repetitivo: entenda como surge e como tratar
Link
Tags »
Notícias Relacionadas »
Comentários »