19/02/2018 às 16h23min - Atualizada em 19/02/2018 às 16h23min

Inteligência artificial do Google olha nos olhos para prever doenças cardíacas

Olhar Digital
Foto: Imagem Ilustrativa
Pesquisadores do Google desenvolveram uma inteligência artificial que consegue detectar doenças cardíacas em pessoas observando apenas os olhos dela. O estudo faz parte dos negócios da subsidiária Verily, que desenvolve tecnologias voltadas para saúde, e foi publicado na revista científica Nature Biomedical Engineering.

Ao analisar dados da parte traseira dos olhos de uma pessoa, o algoritmo criado pelos cientistas do Google consegue deduzir dados como idade e pressão sanguínea com precisão. Essas informações também podem ser usadas por médicos para analisar os riscos cardiovasculares de uma pessoa, ajudando a prever episódios como ataques cardíacos sem precisar de testes sanguíneos.

O algoritmo do Google foi criado a partir de um banco de dados de quase 300 mil pacientes. Imagens dos olhos das pessoas, em conjunto com dados médicos como idade e pressão sanguínea, foram analisados para definir padrões que associem alguns sinais encontrados nos olhos a risco de doenças cardiovasculares.

A inteligência artificial do Google conseguiu dizer com 70% de previsão quais pacientes poderiam sofrer de doenças cardiovasculares, um índice bastante parecido com o atingido por testes convencionais, que acertam 72% das vezes.

A ideia é usar a nova técnica desenvolvida pelo Google em conjunto com as convencionais para melhorar os resultados dos testes realizados atualmente, além de oferecer diagnósticos com mais rapidez.

Link
Tags »
Notícias Relacionadas »
Comentários »