23/08/2018 às 10h19min - Atualizada em 23/08/2018 às 10h19min

Brasil cria mais de 47 mil empregos com carteira assinada em julho

Setores como agropecuária, serviços e construção civil tiveram desempenho positivo no Caged

Portal Brasil
Seis de oito áreas econômicas apresentaram geração de empregos no mês - Foto: Marcos Santos/USP Imagens
Dados do Cadastro Geral de Empregados e Desempregados (Caged) mostram a criação de mais de 47 mil postos de trabalho com carteira assinada em julho. Seis de oito áreas de emprego no Brasil tiveram desempenho positivo. A maior foi no setor agropecuário, que criou 17.455 postos, seguido por serviços (+14.548), construção civil (+10.063), indústria de transformação (+4.993), serviços industriais de utilidade pública (+1.335 postos) e extrativa mineral (+702 postos).

Por região, foram abertos 24 mil postos de trabalho Sudeste; no Centro-Oeste, houve 9,9 mil novas carteiras assinadas; Nordeste, teve 7,1 mil; e Norte, 6,6 mil. Apenas a região Sul apresentou retração.

Evolução do trabalho em julho

Evolução do trabalho em julho



Média
Entre as unidades da federação, 16 registraram saldo positivo na criação de empregos. São Paulo, com 15,3 mil postos, e Minas Gerais, com 10.332 novas vagas, foram o destaque no período.

O Caged também mostra aumento no salário médio de admissão, que ficou em R$1.536,12; e no de desligamento, que foi de R$1.692,42. O primeiro apresentou ganho real de R$ 0,40 e o segundo de R$ 2,18.
Link
Tags »
Notícias Relacionadas »
Comentários »