24/07/2018 às 14h37min - Atualizada em 24/07/2018 às 14h37min

Poeta de Pereira Barreto terá seus poemas distribuídos na Feira Literária Internacional de Paraty

Luís de Oliveira coordena projeto de estímulo à leitura e escrita em Pereira Barreto.

Assessoria de Imprensa
Foto: Divulgação
O escritor, professor e poeta de Pereira Barreto, Luís de Oliveira, terá versos de sua autoria impressos, dobrados e distribuídos gratuitamente durante toda edição 2018 da Festa Literária Internacional de Parati, a FLIP. Luís inscreveu-se dentro do projeto Poeme-se, realizado pela empresa de mesmo nome. A Poeme-se é uma empresa-verso focada na economia criativa da Literatura – que busca, através da moda e do designer espalhar poesia pelo mundo, unindo o melhor da literatura aos talentos da ilustração.
 
De acordo com o anúncio no blog, a ideia da empresa é transformar em pílula de poesia os poemas enviados pelos autores. “Queremos o Brasil inteiro presente na próxima FLIP”, diz o anúncio da página. Desde 2003, acontece em Paraty, Rio de Janeiro, uma das maiores festas literárias do país. Mais do que um evento sobre literatura, é uma manifestação cultural que foca na diversidade e dialoga literatura brasileira com literatura mundial. Vivenciar a FLIP é uma experiência marcante e única. "Ter os meus versos distribuídos em um evento de tamanha importância para a literatura é uma grande vitória para Pereira Barreto. Estou feliz com a notícia", completou o escritor pereirabarretense.
 
Luís de Oliveira tem 23 anos e é formado em Licenciatura e Bacharel em Educação Física. Escritor, poeta e mora em Pereira Barreto. Luís foi medalhista de bronze da Olimpíada de Língua Portuguesa “Escrevendo o Futuro” em 2012, ficando entre as 10 melhores redações do Estado de São Paulo e as 40 redações do Brasil. Além disso, o poeta foi o segundo colocado no concurso de redação “Construindo um muro contra as drogas” em 2012 e publicou o livro de poesia “Choro de Gratidão” em 2013.
 
Luís também representou a Estância Turística de Pereira Barreto nas fases municipal e regional do Mapa Cultural Paulista em 2013/2014 e 2015/2016, na categoria Conto e Poesia. Publicou de maneira independente o romance “Um coração e seus segredos” em 2015 e ministrou gratuitamente nas EMEBs de Pereira Barreto o projeto de leitura “Escritor da minha cidade” em 2016. Participou do projeto “Pé de Poesia” de Salvador, Bahia, e de autoria do poeta baiano Fábio Silva e foi selecionado para a Antologia I do Grupo Múltiplas Histórias de Portugal, sendo classificado entre os 300 poetas lusófonos contemporâneos. Ficou entre os 113 vencedores na Antologia do 10° Concurso literário de Presidente Prudente.
 
Em 2016, ficou entre os 250 vencedores do prêmio Poetize 2017, no qual teve mais de 2.942 inscrições. Em 2017, foi 12° do Prêmio Sarau Brasil, concorrendo com mais 3700 poemas e ficando entre os 20 melhores. Em 2018, publicou o romance “Girassóis Femininos” (Editora Giostri), sucesso de crítica entre os leitores de todo o Brasil. Ele é um dos articuladores culturais da região e com seu trabalho sem dando destaque para a literatura do noroeste paulista.
 
Link
Tags »
Notícias Relacionadas »
Comentários »