04/07/2018 às 09h28min - Atualizada em 04/07/2018 às 09h28min

Caso Vitória Gabrielly: Polícia diz que menina foi morta por engano por dívida

Polícia Civil do Estado de São Paulo
Foto: Reprodução
A Polícia Civil esclareceu que a menina Vitória Gabriellly Guimarães Vaz, de 12 anos, foi morta por engano.

De acordo com informações da polícia, o depoimento de um homem foi decisivo para que a motivação do crime fosse descoberta.

Ele disse aos policiais que devia cerca de R$ 7 mil a um traficante e que, por isso, estava recebendo ameaças de morte. A testemunha tem uma irmã com as mesmas características de Vitória e sabia que o traficante para quem devia costuma punir familiares dos devedores.

Até agora, três pessoas foram indiciadas por homicídio doloso por suspeita de participação no caso: o servente de pedreiro Julio Cesar Lima Ergesse e o casal Bruno Marcel de Oliveira e Mayara Borges de Abrantes.

Relembre o caso

Vitória Gabrielly desapareceu na tarde do dia 8 de junho, quando saiu para andar de patins, em Araçariguama (SP). Uma câmera de segurança registrou a menina na rua no dia do sumiço.

A adolescente foi encontrada morta oito dias depois com os pés e as mãos atados e o corpo amarrado a uma árvore.

A morte da menina comoveu a cidade, que se mobilizou para encontrá-la.
 
Link
Tags »
Notícias Relacionadas »
Comentários »