20/01/2018 às 15h12min - Atualizada em 20/01/2018 às 15h12min

Porto de Galinhas praias paradisíacas

Turismo

Viajando tur
Uma praia que surgiu como uma vila e que agora é um dos principais destinos turísticos do Brasil. Essa é Porto de Galinhas, uma das principais atrações do litoral de Pernambuco, no Nordeste do Brasil

Porto de Galinhas fica localizada no município de Ipojuca, a apenas 70 quilômetros da capital do estado, Recife. Inclusive, na hora de escolher os seus pacotes de viagens para Porto de Galinhas inclua o aluguel de carro para fazer um bate e volta até a capital pernambucana. Já em Porto de Galinhas, aproveite as diversas piscinas naturais com águas mornas e transparentes, cheias de peixes coloridos e jangadas que vão de um lado ao outro na maré baixa. E não esqueça de colocar na sua bagagem a máquina fotográfica para registrar todas as paisagens que você vai ver durante os seus passeios. Também há praias com ondas mais altas e fortes, excelentes para os surfistas. A praia de Maracaípe, por exemplo, é um dos cenários do Campeonato Mundial de Surf, sendo sede das etapas do mês de outubro. E se você quer ver de perto esse evento, agende os seus pacotes para Porto de Galinhas para essa época do ano. E por falar em esportes náuticos, inclua nos seus roteiros turísticos para Porto de Galinhas uma passada pela praia de Muro Alto, que reúne apaixonados por esqui aquático, wakeboard e jet-ski.

PISCINAS NATURAIS 

Não é a toa que Porto de Galinhas leva a fama de um dos mais badalados balneários do litoral de Pernambuco. O contraste das águas verdes, areias brancas e céu azul turquesa faz jus e merece o título, assim como uma visita em qualquer época do ano. As praias são os destaques.

Pontal de Maracaípe
Praia de Muro Alto
Praia de Serrambi
Ilha de Santos Aleixo
Cabo de Santo Agostinho


Vale lembrar que a alta temporada em Porto de Galinhas vai de se setembro a abril e, principalmente nos meses de verão, apesar das ofertas de passeios serem maior, o movimento nas praias e a disputa pelas atrações são bem mais intensas. Se não tiver muito tempo para passear pela região, evitar o período entre dezembro e fevereiro pode ser uma boa ideia para curtir tudo com mais intensidade.

Para aproveitar as águas claras, qualquer passeio de jangada que leve até as piscinas naturais na mare baixa, é imperdível. As embarcações coloridas partem da praia da vila e, num trajeto de apenas cinco minutos, te levam ao paraíso. Dica: certifique-se que você terá máscara, snorkel e calçados que possam molhar para poder aproveitar o passeio por inteiro. Já se a jornada for pelas areias, os roteiros turísticos de bugue são uma atração à parte. O popular trajeto “de ponta a ponta” é a forma mais bacana para conhecer a maioria das praias que explora até as mais afastadas de Muro Alto e Pontal de Maracaípe.


No fim do dia, depois de rodar tudo que tem direito, vale a pena relaxar e conhecer um pouco da cultura local. Considerado um dos mais antigos conventos do Brasil, a Igreja e Convento de Santo Cristo guarda muita história desde a sua construção em 1663. A exposição de mobílias, imagens, louças, cristais e objetos de decoração originais do casarão do Engenho Gaipió também merece uma visita. Para ter uma visão mais do que privilegiada, a mais de 130 metros acima do nível do mar, a Igreja do Outeiro exibe um dos cenários mais incríveis da região, cobrindo todo o litoral do Cabo de Santo Agostinho até o Cabo de Santo Aleixo.



Para decidir o que visitar em Porto de Galinhas, vai depender mesmo do tempo de viagem. Para quem tem mais tempo na agenda, de barco, você pode incluir no roteiro uma visita a ilha deserta de Santo Aleixo para relaxar e mergulhar. Um passeio de catamarã ou uma caminhada de meia hora pela areia até a Praia de Carneiros, considerada uma das mais bonitas e rústicas do estado, é sempre uma boa ideia para fugir da bagunça. Ainda no sentido sul do litoral pernambucano, Tamandaré apresenta áreas urbanizadas, bastante opção de casas de veraneio e uma estrutura boa de barracas espalhadas pela orla.
Um pouco mais distante da cidade está o Cabo de Santo Agostinho – a 50 km de Porto de Galinhas, as peculiaridades das nove praias é um convite mais do que especial. Se quiser os pontos mais animados fique pelas redondezas das praias de Gaibu e dos Corais. As mais tranquilas como Itapuama, Pedra do Xaréu e do Paiva, são perfeitas para quem quer sossego. A pequena mas famosa Calhetas, é protegida pela vegetação e oferece um ambiente agradável repleto de bares e restaurantes com música ao vivo.

Com tantas atrações e coisas interessantes para conhecer, não esqueça de levar umas lembranças de Porto de Galinhas. No centro da vila, especialmente na Rua da Esperança, as galerias e barraquinhas estão repletas de peças típicas confeccionadas pelos artesãos locais com destaque para os bordados, redes, mantas e, claro, as tradicionais galinhas de cerâmica – o souvenir oficial da região. Falando de costumes e tradições, não volte pra casa sem experimentar os pratos regados de fruto do mar ou a carne-de-sol e galinha cabidela, parte da cozinha regional.
Link
Tags »
Notícias Relacionadas »
Comentários »