29/05/2018 às 15h10min - Atualizada em 29/05/2018 às 15h10min

Buritama recebe carreta de Barretos para exames de mamografia

Assessoria de Imprensa
Foto: Divulgação
Começou ontem (28), na UBS III (Unidade Básica de Saúde) Jaime Pinto Cunha, os exames de mamografia realizados na carreta de Barretos. O atendimento segue até o dia 13 de junho. Foram agendadas 1,2 mil consultas, com horários flexíveis, entre 7h às 20h, conforme já informado pelas agentes comunitárias de saúde.

Caso seja detectada alguma alteração na mama, a paciente será encaminhada ao hospital de câncer de Fernandópolis para realizar mais exames e se for detectado a doença, dar início ao tratamento. A uma lista de espera, caso uma moradora agendada falte na consulta, outra irá substituí-la. A carreta de Barretos realiza o atendimento a cada dois anos no município.

Segundo o diretor do Departamento Municipal de Saúde, Edilson Carlos Paiva, o diagnóstico precoce pode salvar vidas. “O objetivo é identificar o maior número de pacientes de câncer de mama, de forma que seja feito todos os procedimentos necessários e que a doença seja tratada logo no início”, explica.

Paiva lembrou que a mamografia não substitui o autoexame da mama. “Este exame deve ser realizado mensalmente, a mulher precisa realizar uma vez por mês o toque nas mamas, caso encontre alguma situação diferente na mama como, por exemplo, mancha, caroço, retração da pele e secreção do mamilo em períodos que não esteja amamentando ou grávida, deverá procurar a unidade de saúde o mais rápido para ser examinada por profissionais competentes”, frisou.

Caso haja dificuldade no autoexame, a mulher precisa solicitar orientação na UBS ao enfermeiro ou médico. O autoexame deve acontecer com mulheres entre 40 a 69 anos. O diretor comentou também que às pacientes em tratamento de câncer de mama não precisam realizar o exame na carreta. O hospital já faz o acompanhamento, de acordo com a solicitação da equipe médica.

Vale lembrar, segundo Edilson, que o evento da carreta é só um programa e vai contemplar às pessoas que já estão agendadas. “As mulheres que não estão agendadas e que precisam realizar a mamografia devem procurar por atendimento nas UBSs pelo Programa Saúde da Mulher. Também realizaremos estes exames nas cidades de Birigui, Araçatuba e Mirandópolis e são tão confiáveis, quanto os da carreta”, argumentou.

Edilson informou que, paralelo à mamografia, as equipes da Estratégia da Saúde da Família (ESF) realiza exame de Papanicolau (preventivo). “O Governo do Município visa muito o bem estar de todos, neste momento, garantindo que às mulheres tenham acesso a este exame que irá tirar dúvidas e detectar alguma anormalidade na mama”, finalizou.
 
Link
Tags »
Notícias Relacionadas »
Comentários »