25/01/2022 às 16h11min - Atualizada em 25/01/2022 às 16h11min

Apreensões em Unidades Prisionais

Assessoria de imprensa, Eliane de Oliveira
Foto: Divulgação
PENITENCIÁRIA "ASP. LINDOLFO TERÇARIOL FILHO" DE MIRANDÓPOLIS II 

No último sábado (22/01), a visitante de um sentenciado foi submetida ao aparelho de scanner corporal para revista mecânica, a fim de que adentrasse à unidade para visitar o companheiro. No entanto, as imagens geradas pelo aparelho revelaram algo oculto no sutiã da mulher, que após ser questionada, retirou da peça íntima (01) um celular. Ela alegou que esqueceu de guardar o aparelho antes de ingressar na unidade. As medidas de praxe foram tomadas e a mulher suspensa do rol de visitas.  

PENITENCIÁRIA "LUIS APARECIDO FERNANDES" DE LAVÍNIA II 

A Penitenciária "Luis Aparecido Fernandes" de Lavínia II registrou quatro apreensões neste final de semana, com mulheres visitantes de sentenciados. Com três delas, os agentes de segurança penitenciária visualizaram através do scanner corporal, respectivamente, 01 (um) celular escondido na vagina de cada uma. Uma destas também trazia consigo 02 (dois) chips). Uma quarta mulher tentou adentrar com entorpecente maconha oculto na sola do chinelo. Todas foram suspensas do rol de visitas e os sentenciados envolvidos responderão a Procedimentos Disciplinares para apuração dos fatos.  

PENITENCIÁRIA "ANÍSIO APARECIDO DE OLIVEIRA" DE ANDRADINA 

No último domingo (23/01), um homem foi surpreendido durante revista pelo equipamento de scanner corporal quando tentava visitar um reeducando na Penitenciária "Anísio Aparecido de Oliveira" de Andradina. O aparelho gerou uma imagem suspeita na região do bolso da calça do visitante, que logo depois constataram se tratar de uma moeda no valor de R$ 0,50. Foi aberto Procedimento Administrativo pertinente para apurar os fatos e o visitante foi suspenso do rol de visitas.  

PENITENCIÁRIA "MAURÍCIO HENRIQUE GUIMARÃES PEREIRA" DE PRESIDENTE VENCESLAU II 

Uma mulher, cadastrada como companheira de um sentenciado, tentava visitá-lo e, para isso, submeteu-se à revista mecânica pelo scanner corporal. Neste  momento, funcionários visualizaram no aparelho uma imagem suspeita. Diante disto, a visitante foi conduzida até a Santa Casa, com apoio da Polícia Militar, para ser submetida à exame de Raios X, o qual constatou que ela trazia em sua cavidade uterina um invólucro com substância aparentando ser o entorpecente maconha, pesando 101 gramas.  Por fim, informo que o preso foi conduzido ao Pavilhão Disciplinar em isolamento cautelar, para apuração dos fatos, e a mulher foi suspensa do rol de visitas.  

PENITENCIÁRIA "AEVP. CRISTIANO OLIVEIRA" DE FLÓRIDA PAULISTA 

Por volta das 09h do último domingo (23/01), uma mulher passou pelo aparelho de scanner corporal e pelo detector de metais para visitar um sentenciado na Penitenciária "AEVP. Cristiano Oliveira" de Flórida Paulista. Neste momento, agentes de segurança visualizaram algo oculto no top da mulher e a questionaram, quando ela confessou que trazia consigo: 01 (um) invólucro com cerca de quatro gramas de erva esverdeada, aparentando ser o entorpecente maconha; 04 (quatro) invólucros pesando aproximadamente 02 (duas) gramas de substância aparentando ser entorpecente haxixe; 08 (oito) pedaços de papel de cor amarela, medindo aproximadamente 4cmX6cm, sendo supostamente o entorpecente conhecido como K4; 02 (duas) folhas de papel de cor preta, uma medindo aproximadamente 24cmX30cm e a outra medindo aproximadamente 15cmX21cm, também de suposto entorpecente sintético conhecido como K4 e 01 (um) pedaço de papel de extrato bancário. As substâncias apreendidas e a visitante foram encaminhadas ao plantão da Polícia Civil de Adamantina/SP para as providências de praxe. A mulher foi ainda suspensa do rol de visitas, conforme legislação vigente, e o detento responderá à Procedimento Disciplinar para apuração de sua cumplicidade nos fatos.  

PENITENCIÁRIA DE PRACINHA 

A mãe de um sentenciado que cumpre pena na Penitenciária de Pracinha tentou adentrar a unidade com 01 (uma) cédula de R$ 20,00 escondida em sua vestimenta, no cós do top. A mulher foi então suspensa do rol de visitas e um Procedimento Administrativo foi instaurado para apuração dos fatos.  

Link
Tags »
Notícias Relacionadas »
Comentários »