03/01/2022 às 14h46min - Atualizada em 03/01/2022 às 14h46min

Serra do Itaqueri: o paraíso que recebe os turistas de braços abertos

Parque do Cristo é uma das atrações mais procuradas da região, que também oferece diversas opções de gastronomia e contato com a natureza

Assessoria de imprensa
Foto: Divulgação
Se o saudoso compositor Antônio Carlos Jobim visitasse São Pedro e pudesse observar as belezas da região, provavelmente se sentiria inspirado a compor uma canção, assim como fez para o Rio de Janeiro. A diferença é que nesta música o Cristo Redentor não está com os braços abertos sobre a Guanabara, mas sim sobre a Serra do Itaqueri.
 
A estátua do Cristo, com 17 metros de altura, pode não ser tão imponente quanto à carioca, mas ela, sem dúvida, abraça uma beleza tão grande quanto e que se espalha pelos 52.500 metros quadrados do parque. E não é somente esta comparação possível entre o Rio De Janeiro e São Pedro. A escadaria de 124 degraus que leva até a estátua do Cristo lembra a escadaria do Selarón, localizada entre os bairros de Santa Teresa e Lapa.
 
A escadaria de São Pedro recebeu uma intervenção do artista plástico Lajur, que se inspirou na natureza da Serra do Itaqueri para pintar no concreto as cachoeiras, os tucanos, e os esportes praticados na região, como balonismo e parapente. É uma verdadeira ode às maravilhas naturais, que pode ser observada durante a subida da escadaria.
 
Lá no alto, no mirante, é possível contemplar a Serra do Itaqueri e até mesmo as cidades do entorno, como Águas de São Pedro e, em dias claros, Piracicaba. Os devotos que visitam o local também podem dedicar um momento de oração na capela de Nossa Senhora de Lourdes, que faz parte do complexo próximo ao Cristo.
 
Outro lugar onde a natureza explode no olhar do turista é o Parque Marcelo Golinelli, logo em frente o Parque do Cristo e localizado na encosta da Serra do Itaqueri. Além de poder passar o tempo e relaxar com caminhadas, o ambiente calmo e tranquilo do parque inspira o visitante a contemplar longamente a paisagem usando da estrutura do local, com decks e quiosques. Desta posição, o turista consegue observar as cachoeiras, lagos e montanhas e garante fotos muito bonitas para recordar.
 
Aventura e gastronomia
A Serra do Itaqueri sempre terá como pano de fundo a natureza, que também pode ser contemplada durante uma aventura. Neste caso, uma tirolesa de 500 metros que da proporciona a vista de toda a mata nativa da região e do vale onde o turista consegue ver os sete municípios próximos a São Pedro. O Rancho da Tirolesa, que oferece a atração, também conta com restaurante e lanchonete.
 
Para quem quiser fazer um lanchinho diferenciado no alto da serra, a Estação da Cachaça tem boa variedade de opções. Além da cachaça envelhecida, o estabelecimento afirma ter a melhor coxinha da região. Depois da experiência com o salgado, o turista pode adoçar a viagem na cafeteria da atração, que atrai milhares de pessoas por ano. Uma experiência completa para os momentos de lazer.
 
Mesmo com tantas opções, a Serra do Itaqueri permite que o turista aproveite todas as melhores experiências desta viagem em um mesmo dia. Como contemplar a manhã no Parque do Cristo, almoçar nos restaurantes da região, tomar um café da tarde e finalizar vendo o pôr do sol no parque Marcelo Golinelli. Não é pretensioso dizer que Tom Jobim também ficaria morrendo de saudade deste lugar especial. Afinal, quem visita a Serra, sempre volta.

Link
Tags »
Notícias Relacionadas »
Comentários »