10/10/2021 às 16h52min - Atualizada em 10/10/2021 às 16h52min

Cabelos loiros: descubra a cor ideal para cada tom de pele

Beleza extraordinária
Foto: Imagem Ilustrativa
O famoso "projeto verão" do qual muitas brasileiras correm atrás quando as temperaturas começam a aumentar também passa pelos cabelos. Nessa época do ano o número de loiras no país se multiplica - afinal, o tom tem tudo a ver com a estação e a maioria das mulheres tem curiosidade para saber como fica com as madeixas mais claras.

A boa notícia é que não há restrições e todos os tons de pele, das brancas bem claras até as negras, podem experimentar a cor, basta saber quais tons combinam melhor com cada pele. O ideal é que o contraste entre cabelo e cútis não seja tão grande e que a cor dos fios siga a mesma temperatura da cor original, seja ela quente, para quem tem pele de fundo amarelado, ou fria, como no caso das rosadas.

Loiro acinzentado para quem tem pele branca rosada
Para o cabeleireiro Bruno Padovan, as donas desse tom de pele devem apostar nos perolados e podem incrementar o look com algumas técnicas: "um fundo esfumado acinzentado aumenta a naturalidade da coloração", conta.

Para justificar a escolha, o profissional diz que esse é o tom de loiro natural de quem tem esse tipo de pele. "Se observarmos os suecos, por exemplo, que tem a pele mais avermelhada, os cabelos sempre nascem em tons mais acinzentados", explica.

Mistura de tons para donas de pele branca amarelada
Segundo Padovan, pintar os cabelos com um dourado chapado deixaria a mulher de pele branca amarelada com a mesma cor da cabeça aos pés. Por isso, o aconselhável é aplicar pelo menos quatro tons diferentes para trazer vivacidade ao rosto.

"Uma mistura de mel, caramelo e dois tons de dourado traz o loiro perfeito para quem tem esse tipo de pele", conta. Usar a raiz ligeiramente mais escura do que o comprimento é outra estratégica que pode ser usada por quem busca um efeito mais natural.

Dourado fechado para morenas amareladas
Mesmo tendo o mesmo fundo quente na pele, o ideal é que o loiro dessas mulheres não seja tão claro quanto o das que tem a pele branca amarelada. A visagista Mariana Gorini esclarece que os pigmentos escolhidos podem ser dourados, mas precisam ser um pouco mais fechados para acompanhar a pele que também é mais escura.

Morenas rosadas devem evitar loiros acobreados
Para Mariana, as morenas que têm o rosa como cor base da pele devem apostar nos acinzentados, mas em um tom médio de loiro. A profissional ressalta que é importante fugir dos acobreados, que são parecidos com o rosado original da pele e não ressaltam a beleza.

Ombré hair para as morenas bronzeadas
Para quem tem esse tom de pele, Padovan garante que o ideal é usar a cor de fundo das madeixas, que geralmente é mais escura, e fazer pontos estratégicos e espaçados de iluminação com loiros perolados ou mel. Outra técnica que o profissional indica para essas mulheres é o ombré hair, que está em alta e pode ser feito com nuances de mel.

Tons de loiro para orientais
Mulheres dessa etnia costumam possuir um fundo de pele muito amarelado e por isso devem investir em cores mais quentes, preservando o tom natural mais escuro. Mechas em loiro dourado e champagne são a pedida ideal, mas a a cabeleireira Samara Trajano alerta que esse tipo de cabelo pede alguns cuidados a mais: "a cutícula das orientais costuma demorar para abrir e absorver a tinta, além de amarelar com mais facilidade", revela.

Negras também podem ser loiras
Quem tem o marrom como componente principal na pele também pode clarear as madeixas. Segundo o top cabeleireiro Marcos Proença, negras com fundo amarelado ficam bem com tons quentes de loiro-bege, que se aproximam do marrom natural. Já as que têm pele de base avermelhada, podem abusar do loiro dourado na hora de mudar o visual.

Para Samara, a técnica ideal para esse tom de pele é não aplicar cor perto da raiz do cabelo: "o trabalho precisa ser feito mais nas pontas para que ilumine, mas não deixe um resultado artificial", conta.

Atenção às sobrancelhas
É preciso ter cuidado depois da mudança de visual para que a sobrancelha não "brigue" com a cor do cabelo e acabe deixando o visual falso, mas também é essencial ficar atenta para não exagerar no clareamento.

Segundo Padovan, a sobrancelha deve clarear no máximo dois tons para acompanhar as novas madeixas loiras. Algumas vezes, a mudança nem é necessária. "Quando a área é naturalmente mais clara ou é mais rala e, por isso, com a cor mais fraca, não precisa haver preocupação com a mudança", conta.

Link
Tags »
Notícias Relacionadas »
Comentários »