04/10/2021 às 08h54min - Atualizada em 04/10/2021 às 08h54min

Araçatuba vai receber unidade do Centro de Longevidade Ativa

PMA
Foto: Divulgação
Araçatuba recebeu a confirmação nesta sexta-feira (1º), de que irá receber uma unidade do Centro de Longevidade Ativa, que é um projeto do governo do Estado de São Paulo. Em evento com a presença de autoridades de vários municípios, o governador João Doria anunciou a criação de 20 novas unidades destes centros, que são destinados para a população acima de 50 anos.

O Estado vai investir um total de R$ 16 milhões nos novos equipamentos com atenção voltada à qualidade de vida e longevidade. O anúncio foi realizado durante a abertura do III Longevidade Expo + Fórum, em comemoração ao Dia Internacional do Idoso.

A primeira-dama Deomerce Damasceno, que é presidente do Conselho Deliberativo do Fundo Social de Solidariedade, disse que ficou encantada com o projeto apresentado. Segundo ela, o Estado tem sido exemplar nos cuidados com os cidadãos, principalmente os que mais necessitam de atenção. Ela, que esteve ao lado da primeira-dama do Estado, Bia Doria, aproveitou para discutir parcerias que poderão surgir no futuro entre o município e o governo para atendimento de uma população cada vez maior.


A secretaria municipal de Assistência Social (SMAS) de Araçatuba, Suzeli Denys de Oliveira destacou que os Centros de Longevidade Ativa serão de extrema importância para a população, cada vez mais crescente, de pessoas idosas. “Temos criado, como gestores, uma rede de apoio muito forte e que fortalece nossa capacidade de acolhimento e cuidado”, afirmo.

CENTROS

O Centro de Longevidade Ativa será um espaço com serviços voltados ao acolhimento, atendimento e inclusão de pessoas com 50 anos ou mais em situação de vulnerabilidade social. Além das atividades de convivência, haverá ainda ações que vão promover a inclusão produtiva, novas carreiras e empreendedorismo entres os idosos, incluindo apoio à qualificação e formação, além de atividades envolvendo tecnologia.

A iniciativa faz parte do programa SP Amigo do Idoso, que tem o objetivo de executar ações efetivas e integradas, fortalecendo o papel social do idoso e contribuindo para uma postura mais ativa e saudável diante do envelhecimento. Além dos CLAs, o programa é composto por uma ampla rede de equipamentos voltados à atenção aos idosos.
 

Link
Tags »
Notícias Relacionadas »
Comentários »