03/10/2021 às 16h52min - Atualizada em 03/10/2021 às 16h52min

Etanol x gasolina: ainda vale a pena abastecer com álcool?

Olhar Digital
Foto: Divulgação
Com os diversos reajustes de preço sofridos desde o início do ano, fato que influenciou até os aplicativos de transporte, o valor do litro da gasolina na bomba de combustível não é nada convidativo para o bolso do consumidor. Dois fatores foram chave para criar esse cenário ruim: a disparada do dólar e da cotação do petróleo no mercado.

Uma alternativa que valia a pena para quem possui um veículo com motorização flex, principalmente antes do período de disparada nos preços, era deixar a gasolina de lado em favor do etanol. No entanto, nem o combustível derivado da cana-de-açúcar escapou dessa vez.

Segundo a empresa de gestão de frotas Ticket Log, o álcool apresentou em setembro um valor médio acima de R$ 5 — marca que já ocorre pelo quarto mês seguido.

Douglas Pina, head de mercado urbano da Edenred Brasil (dona da Ticket Log), avalia que mesmo “diante das medidas de contenção de reajustes no repasse às refinarias” o etanol apresenta desde maio altas consecutivas: “No fechamento de setembro, (o etanol) liderou as maiores variações entre todos os tipos de combustíveis, com alta de 4,11% na comparação com agosto”.

Vale ressaltar que o etanol já acumula desde janeiro uma alta de 43%.

Vale a pena abastecer com etanol?
Quando comparado com a gasolina, outro fator que deve ser considerado ao abastecer com etanol é o seu consumo mais elevado (cerca de 30%, com uma ligeira variação dependendo de cada veículo). Por esse motivo, segundo o IPTL (Índice de Preços Ticket Log), só é vantajoso optar pelo álcool quando a diferença no preço por litro supera esse percentual de consumo extra.

Sendo assim, o levantamento mensal da Ticket Log, que considera a média do preço da gasolina e do etanol em todo o Brasil, revela que atualmente abastecer com álcool já não é vantagem em nenhum estado.

No Rio de Janeiro, por exemplo, o preço médio praticado pelo litro do etanol é de R$ 5,670, enquanto o litro da gasolina comum já está em US$ 6,678. Já em São Paulo, a média de valores é ligeiramente mais baixa, R$ 4,532 pelo litro do etanol e R$ 5,841 pelo litro da gasolina comum.
 

Link
Tags »
Notícias Relacionadas »
Comentários »