17/09/2021 às 11h06min - Atualizada em 17/09/2021 às 11h06min

Valorização da vida foi tema de live da Escola do Legislativo

Câmara Municipal de Araçatuba
Foto: Angelo Cardoso
Como parte das ações da campanha Setembro Amarelo, a Escola do Legislativo promoveu, nesta quinta-feira (16/9), a live “Valoriza a vida!”. A iniciativa buscou trazer a discussão no contexto do mês de prevenção e conscientização sobre o suicídio, que tem o apoio da Câmara.

Participaram como convidados da live o porta-voz e palestrante do Centro de Valorização da Vida (CVV) de Bauru, Luiz Antonio Silveira Ramos, e a articuladora e chefe de Divisão de Saúde Mental do município, Alessandra Pedroso.

Durante a exposição, Alessandra Pedroso destacou os trabalhos desenvolvidos e os serviços de atenção psicossocial disponíveis no município. “Nós lidamos com a vida e é preciso um olhar diferenciado para o público de saúde mental. O Setembro Amarelo é o mês mais importante na questão psicossocial. Precisamos sensibilizar a população sobre a saúde mental”, afirmou.

O porta-voz e palestrante do Centro de Valorização da Vida (CVV) de Bauru, Luiz Antonio Silveira Ramos, explicou as atividades da organização, que presta apoio emocional e prevenção do suicídio, atendendo de forma voluntária e gratuita todas as pessoas que querem e precisam conversar, sob total sigilo por telefone, e-mail e chat 24 horas. “É um trabalho de escuta e conversa com pessoas que precisam desabafar. É uma escuta ativa, nós conversamos com essas pessoas. O CVV é um programa de prevenção fundado em 1962 na capital paulista e há quase 40 anos em Bauru”, disse.

A live ainda teve a participação da psicóloga Ana Maria Quintiliano que, por meio de depoimento, contou sua experiência de vida e como superou um quadro depressivo.

O vereador Arnaldinho (Cidadania) representou a presidência da Casa. “A live traz hoje um assunto de grande relevância, o Setembro Amarelo, voltado para a prevenção da vida. Existem pessoas que sofrem com a angústia e a falta de esperanças, é um problema que pode acontecer com qualquer pessoa”, observou o parlamentar.

Link
Notícias Relacionadas »
Comentários »