19/04/2018 às 11h17min - Atualizada em 19/04/2018 às 11h17min

Ilha Solteira, Andradina e Birigui recebem Circuito Sesc de Artes neste final de semana

Nesta sexta, sábado e domingo os públicos das três cidades poderão assistir gratuitamente a shows, espetáculos de dança, circo e diversas intervenções artísticas

Assessoria de Imprensa
Neste final de semana, o ônibus do Circuito Sesc de Artes passa novamente pela região de Birigui. As cidades de Ilha Solteira, Andradina e Birigui recebem respectivamente nos dias 20, 21 e 22, atividades de artes visuais, circo, cinema, dança, música, teatro, literatura e tecnologias e artes. 

Entre 16h e 21h30, o público poderá conferir gratuitamente várias atividades, entre elas, uma biblioteca ao ar livre projetada pela Muda Práticas Culturais e Educativas. Com bancos e almofadas, e uma seleção de livros para todos os públicos, o LEIA tem o objetivo de promover a leitura para os mais variados públicos participantes do Circuito. 

Mesclando danças brasileiras, como o frevo, a caboclinha e a capoeira com referências mais contemporâneas, a Companhia Soma apresenta o Festim, espetáculo com coreografias bem-humoradas e festivas, baseadas na pesquisa de manifestações populares.

Para quem gosta de teatro, o grupo paulista Desembargadores do Furgão mistura elementos populares brasileiros com máscaras e a música de Bali (Indonésia) para contar a história de um grande engano cometido por uma trupe de artistas. 

Na comédia de rua Uma Remediável Escolha, os atores fazem um jogo com acrobacias, mágica e elementos da dança. Já o Trio Sinhá Flor mostra seu forró, tocando um repertório dançante que vai de Luiz Gonzaga a releituras de Caetano Veloso e Gilberto Gil.

Esta décima edição do Circuito passa por 120 municípios e envolve, no total, 106 trabalhos artísticos com cerca de 400 artistas em mais de 1000 ações, todas gratuitas e livres para todos os públicos. Entre 6 e 8 de abril, um roteiro com outras atrações passou por Lins, Penápolis e Araçatuba. 
            
São cerca de 600 horas de programação, com apresentações realizadas em praças e ruas, neste evento que propõe a ocupação dos espaços públicos, ampliação das possibilidades de convivência, circulação de trabalhos artísticos e reflexões sobre outras relações possíveis entre centro e periferia. A programação completa está na internet: sescsp.org.br/circuitosescdeartes .

Nessa iniciativa, Danilo Santos de Miranda, diretor regional do Sesc SP, afirma que a instituição, voltada para a Cultura em seu espectro mais amplo, "realiza uma programação que alcança  cidades do interior e do litoral que não contam com a presença do Sesc, que traz a marca da diversidade e da pluralidade, mobilizando todos os públicos em torno da Cultura". Birigui é uma exceção, pois a sede era provisória e o novo prédio da unidade foi inaugurado recentemente. 

Miranda enfatiza que "realizar o Circuito Sesc de Artes em praças públicas, com acesso amplo e gratuito, colabora no fortalecimento das relações e das parcerias institucionais que se estabelecem localmente, pois assim mobiliza-se a comunidade em torno de atividades cujo caráter simbólico o Sesc entende como um direito fundamental de todos".

O Sesc SP tem a parceria das prefeituras e sindicatos do comércio locais. Para a coordenação dos trabalhos, 21 unidades do Sesc em todo o Estado estão envolvidas na realização do evento que ocorre em cidades de suas regiões.

PROGRAMAÇÃO COMPLETA DO CIRCUITO SESC DE ARTES NOS DIAS 20, 21 E 22/04

Ilha Solteira | 20 de abril, sexta-feira
Praça da Integração
Andradina | 21 de abril, sábado
CEU das Artes. Rua Monsenhor Victor Assuit – Benfica
Birigui | 22 de abril, domingo
Praça Doutor Gama

ATRAÇÕES

Artes visuais
Caramba, Carimbo!
Editora Lote 42 (SP)
Sem restrições de idade, o público é convidado a montar um livro manualmente e usar a criatividade para construir o seu conteúdo a partir de uma ampla seleção de carimbos com padrões, texturas, figuras geométricas e trechos da literatura brasileira selecionados para a atividade. 

Redaria
Ju Bernardo (SP)
A instalação é formada por redes em macramê criadas pela artista, pernambucana criada no Grajaú, zona sul de São Paulo. O público é convidado a brincar e interagir com a construção das redes de fios coloridos. Cada novo fio e cada novo nó que vai ser apertado ou afrouxado vão formar um novo resultado nessa escultura de rede, que depende da criatividade de cada participante. 

Literatura
Leia - Biblioteca na Praça
Muda Práticas Culturais e Educativas (SP)
O espaço que recebe o Circuito Sesc de Artes também ganha uma biblioteca ao ar livre, com bancos e almofadas, além de uma seleção de livros especialmente escolhidos. O público poderá, inclusive, fazer a troca de livros e levar um exemplar para casa, desde que deixe outro nas estantes. 

Cinema
Cinema de Imersão – Realidade Virtual 
Em parceria com a Mostra Internacional de Cinema de São Paulo.
Com cinco filmes, o público é convidado a experimentar essa tecnologia imersiva que abre possibilidades de novas formas de contar histórias. Neste formato o espectador é o protagonista da ação, construindo seu ponto de vista sobre o filme.

Dança
Festim
Cia. Soma (SP)
A Cia. Soma faz uma mistura de danças brasileiras tradicionais, como o frevo, a caboclinha e a capoeira, com referências mais contemporâneas. O resultado é um espetáculo com coreografias bem-humoradas e festivas, baseadas na pesquisa de manifestações populares que as bailarinas Maria Eugenia e Marina Abib realizam desde 2008. As tradições estão presentes nos figurinos, nas máscaras e na trilha de "Festim".

Teatro
Uma Irremediável Escolha
Grupo Desembargadores do Furgão (SP)
Nesta comédia de rua, o grupo paulista Desembargadores do Furgão mistura elementos populares brasileiros com máscaras e a música de Bali (Indonésia) para contar a história de um grande engano cometido por uma trupe de artistas. Os atores fazem um jogo com acrobacias, mágica e elementos do Topeng, uma dança balinesa que utiliza as máscaras como parte essencial do teatro.

Circo
O Cubo na Roda
Dupla GomesNinow (RJ)
Acompanhados por seu mico-leão azulado de pelúcia, Senhorita Ninow e Mister Gomes fazem um show de equilíbrio, manipulação de formas e muita comédia. Enquanto ele mostra sua habilidade com um cubo de alumínio, ela convida a plateia para participar ativamente do espetáculo, que muda a cada apresentação dependendo da interação do público e do local onde o picadeiro é armado. 

Música
Trio Sinhá Flor (SP)
Inspiradas pela música do Nordeste, as musicistas paulistas Carolina Bahiense, Cimara Fróis e Talita del Collado vem marcando seu nome no universo do forró, quase sempre dominado pelos homens. O Trio Sinhá Flor comemora dez anos com foco nos arranjos vocais das três integrantes, em um repertório dançante que vai de Luiz Gonzaga a releituras de Caetano Veloso e Gilberto Gil.

Circuito Sesc de Artes na Internet
O site do Circuito Sesc de Artes será diariamente atualizado com produções exclusivas, registrando histórias curiosas, destaques da programação e personalidades de cada cidade envolvida na programação. Basta acessar sescsp.org.br/circuitosescdeartes e conferir estes conteúdos, incluindo toda a grade de programação.



Link
Tags »
Notícias Relacionadas »
Comentários »