22/01/2021 às 09h55min - Atualizada em 22/01/2021 às 09h55min

Descubra qual é o melhor ar-condicionado para a sua casa

A chegada do verão traz o aumento da sensação de calor, o que intensifica a busca por ar-condicionado. Se você pretende comprar um, confira alguns modelos e verifique qual atende melhor às suas necessidades.

Assessoria de Imprensa
Foto: Divulgação
O ar-condicionado é um aparelho cobiçado por quem mora em regiões mais quentes, pois ajuda a manter o conforto térmico e reduzir a sensação de calor que atrapalha atividades básicas, como dormir e trabalhar.
 
As vantagens de ter um ar-condicionado em casa são inúmeras: climatização mais uniforme e silenciosa de um ambiente em comparação a um ventilador, além de discrição no ambiente em que é colocado.
 
Nos últimos anos, a tecnologia permitiu a criação de modelos que consomem menos energia. Por isso, se você está pensando em comprar um ar-condicionado para quarto, confira algumas dicas de modelos e veja qual é o mais adequado para a sua residência.
 

Janela

Este é o tipo mais convencional de ar-condicionado, presente especialmente em residências e escritórios pequenos. Ele é projetado para ser instalado em uma janela, sendo que parte do aparelho fica fora da casa. Nesse modelo, o evaporador e o condensador ficam muito próximos, o que faz o tamanho do dispositivo ser menor que os outros.
 
A grande vantagem desse tipo é que ele pode ser instalado sem a ajuda de profissionais especializados e possui um manejo mais simples. A desvantagem é que, por possuir uma tecnologia mais antiga, pode produzir ruídos enquanto funciona, além de consumir mais energia elétrica.
 

Inverter

Este é um dos modelos com tecnologia mais avançada. Nele, o fluxo de ar climatizado permanece ligado permanentemente e só varia quando há necessidade de mudar o nível da refrigeração.
 
Outra vantagem é que ele consome menor energia elétrica e é mais silencioso, pois o compressor opera com rotação contínua. Por isso, esse modelo pode ser colocado tranquilamente nos quartos, já que não vai interromper a noite de sono dos moradores da casa.
 
Esse modelo também é adequado do ponto de vista ecológico, já que utiliza o gás R410a, que é atóxico, não inflama, nem agride a camada de ozônio, além de garantir um rendimento melhor em comparação ao gás convencional.
 

Split

Este é o modelo mais moderno do mercado hoje. O funcionamento acontece a partir de duas peças: uma evaporadora  (que lança o ar frio para o ambiente que deve ser climatizado) e a outra condensadora (que resfria o ar que vem do lado externo).
 
Algumas das vantagens são: ele é silencioso, discreto para diferentes tipos de ambientes e fácil de ser instalado. O split costuma ser mais recomendado para áreas grandes, sendo que os modelos mais potentes podem ter até 80 mil BTUs (unidade de potência do ar-condicionado).
 
Quanto mais BTU, maior o consumo de energia elétrica, então o split pode exigir um pouco mais de orçamento.
 

Portátil

Se você imagina-se usando o ar-condicionado de forma mais pontual e não sente necessidade de deixá-lo funcionando o tempo inteiro, o modelo portátil pode ser a melhor opção para você.
 
Esse tipo de ar-condicionado é mais prático, leve, independente e fácil de ser carregado, sendo ideal para levar em viagens rápidas também. O modelo portátil deve ser colocado próximo às janelas, a fim de deixar ventilar o ar quente fora do imóvel.
 
A principal vantagem é que ele não precisa de uma instalação permanente e costuma ter um preço mais barato em comparação a outros modelos, além de remover bem o calor e a umidade do espaço em que é inserido.
 
É importante lembrar que, independentemente do ar-condicionado escolhido, é fundamental verificar a potência de cada aparelho e estimar o consumo de energia elétrica mensal, já que isso é relevante para o orçamento doméstico. Além disso, consulte as recomendações de uso do fabricante e lembre-se de realizar limpezas esporadicamente de forma correta.
Link
Tags »
Notícias Relacionadas »
Comentários »