30/12/2020 às 08h42min - Atualizada em 30/12/2020 às 08h42min

Principais hospitais das regiões de Araçatuba, Andradina e Três Lagoas estão com UTIs lotadas

Portal LR1
AUMENTANDO - Com mais dois internados de segunda para terça, Santa Casa de Araçatuba atinge 80% de ocupação na UTI Covid. ( Foto: Reprodução LR1)
Os principais hospitais das regiões de Araçatuba, Andradina e Três Lagoas estão aumentando rapidamente o índice de ocupação de leitos de UTI. A reportagem do jornal O LIBERAL REGIONAL fez levantamento dos números nas principais unidades de saúde localizadas em municípios das três regiões, que junto com Lins, fazem parte da área de cobertura do SRC.

A situação mais grave é a da Santa Casa de Birigui, que segue com 100% dos leitos de UTI ocupados, de acordo com os dados divulgados nesta terça-feira (29). São 10 pacientes internados na ala mais grave, que possui dez leitos disponíveis.

Porém, outros hospitais estão no limite. Em Penápolis, o Hospital de Campanha, instalado no município neste ano por causa da pandemia, chegou a 90% de ocupação nesta terça-feira. São 9 pacientes internados, sendo três de Penápolis e os demais de Birigui, Barbosa e Glicério.

Já em Andradina, a Santa Casa de município segue com 9 pacientes internados na UTI, que tem capacidade para 10 atendimentos simultâneos, com a direção do hospital ressaltando a gravidade dos casos da enfermaria, o que significa que são potenciais usuários da unidade de terapia intensiva do local.

Outro hospital que está com 90% de ocupação em sua UTI Covid é o Nossa Senhora Auxiliadora, de Três Lagoas (MS). O local tinha 100% na segunda-feira, porém um dos leitos foi desocupado após o falecimento de um paciente por complicações da doença.

Também em Três Lagoas, a rede particular está no limite, com 100% dos leitos ocupados. O Hospital Cassems possui dois leitos em sua UTI.

Em Araçatuba, a situação da Santa Casa de Misericórdia também começa a ficar preocupante. O local chegou a 80% de ocupação nesta terça-feira, com 20 pacientes em tratamento. O espaço possui capacidade para atender até 25 pacientes.

A situação na cidade só não é pior porque na rede particular há 21 leitos disponíveis e apenas 9 estão sendo utilizados no momento, diminuindo o índice de ocupação total de UTIs em Araçatuba para 63%.

 
*matéria cedida pelo Portal LR1
 

 
Link
Tags »
Notícias Relacionadas »
Comentários »