04/04/2018 às 10h13min - Atualizada em 04/04/2018 às 10h13min

Interrupção das atividades do balé municipal é tema de requerimento aprovado

Assessoria de Imprensa da Câmara
Foto: Divulgação

A paralisação das atividades do balé municipal pela Prefeitura de Araçatuba foi tema de um requerimento de informações aprovado pelo Plenário na 9ª sessão ordinária, realizada na última segunda-feira (2/4). A proposição é de autoria da vereadora Beatriz (Rede). No total, 13 pedidos de informações foram aceitos.

Na solicitação, a parlamentar quer saber as razões para a interrupção do projeto da secretaria municipal de Cultura, que oferece aulas gratuitas de balé clássico a crianças e adolescentes de 5 a 18 anos. Também há questionamentos sobre possível problema no planejamento do programa e se há possibilidade de retorno ou alteração do projeto.

Ao discutir o assunto, a vereadora Beatriz apresentou depoimentos de mães descontentes com a interrupção das aulas de balé no município. “O balé é esporte, saúde e educação. Fiz esse requerimento para saber o que está acontecendo”, esclareceu a autora.

O assunto também foi discutido pelos vereadores Rivael Papinha (PSB), Dr. Jaime (PTB), Professor Cláudio (PMN) e Arlindo Araújo (PPS). “Não veio nenhum comunicado sobre o assunto para esta Casa e tem que fazer alguma ação para não parar de vez o projeto”, criticou Papinha. “Há uma demanda social fortíssima pela importância do projeto e temos que saber com o prefeito o que houve”, completou Dr. Jaime.

DESCONTOS EM MULTAS DE TRÂNSITO
De autoria do vereador Denilson Pichitelli (PSL), outra solicitação aceita cobra esclarecimentos sobre o descumprimento da lei federal nº 13.281/2016, que prevê o desconto de 60% no pagamento de multas de trânsito. Segundo a solicitação, o Demtra (Departamento Municipal de Trânsito de Araçatuba) estaria descumprindo a lei. “Essa lei foi criada no final de 2016 e queremos saber da Prefeitura sobre o descumprimento da norma”, afirmou o parlamentar.

DEMAIS REQUERIMENTOS

Outros cinco requerimentos aceitos foram propostos pelo vereador Arlindo Araújo. Os temas das correspondências são: a abertura de concurso público para o cargo de agente escolar; o corte de árvores na cidade; a retirada de móveis da UPA do Umuarama; a arrecadação da Arapark em 2017 na zona azul e a situação do repasse de recursos da Havan ao Executivo para a restauração do Centro Cultural Ferroviário.

O vereador Gilberto Batata Mantovani (PR) propôs pedidos sobre a participação do município no Consórcio Intermunicipal Culturando e a regularização dos parques industriais de Araçatuba.

A vereadora Beatriz ainda apresentou mais dois pedidos aceitos, um deles com questões sobre a construção de espaços de lazer e recreação em conjuntos habitacionais do programa “Minha Casa Minha Vida” e outro sobre a retirada de árvores da Rua do Fico, na esquina com a rua Pereira Passos, no bairro São Joaquim.

Já o vereador Dr. Flávio Salatino (PMDB) questionou a situação dos veículos locados pelo município e o vereador Rivael Papinha (PSB) pediu esclarecimentos sobre a necessidade de melhorias na região do Mercado Municipal.

Os pedidos de informações seguem para a Prefeitura, que tem 15 dias para responder.
 


Link
Tags »
Notícias Relacionadas »
Comentários »