28/10/2020 às 16h40min - Atualizada em 28/10/2020 às 16h40min

Santa Casa de Araçatuba suspende cirurgias eletivas por falta de sangue

Portal LR1
SUSPENSAS - Hospital vinha realizando cerca de 120 cirurgias por dia. ( Foto: Reprodução LR1)
A direção técnica da Santa Casa de Araçatuba suspendeu, por tempo indeterminado, a realização de cirurgias eletivas, que são aquelas que podem ser postergadas sem maiores prejuízos ao paciente. O motivo foi uma solicitação do Núcleo de Hemoterapia do município pela falta de sangue em estoque.

Em comunicado assinado pelo diretor do núcleo de hemoterapia de Araçatuba, Wolney Barreto, foi feito pedido para que houvesse a suspensão das cirurgias em que se prevê alta necessidade de transfusão sanguínea, principalmente àquelas que necessitam de transfusão de concentrado de plaquetas, que possuem no máximo 5 dias de validade.

O texto do comunicado afirma que, graças à pandemia do novo coronavírus, houve diminuição no número de doadores e há uma possibilidade iminente de desabastecimento de sangue e hemocomponentes. Ainda é destacado o esforço das equipes de captação de doadores, porém, com retorno de doações abaixo da capacidade.

Segundo informações da direção técnica da Santa Casa de Araçatuba, nos últimos dias, entre cirurgias eletivas e de urgência e emergência, o hospital vinha realizando uma media de 120 cirurgias por dia, sendo que deste total, mais da metade são cirurgias eletivas. “É um volume alto que deixará de ser realizado por conta da falta de sangue”, afirmou Roselana Aguiar, assessora de imprensa do hospital.

Risco

Segundo informações da assessoria de imprensa do hospital, nem mesmo as cirurgias de urgência e emergência estão asseguradas caso o estoque de sangue continue baixo.

De acordo com o diretor técnico do hospital, Giulio Coscina Neto, todas as cirurgias que podem de alguma forma ser prorrogadas deverão ser atingidas com a medida.

Pedido

Tanto a direção da Santa Casa quanto a direção do Hemocentro de Araçatuba estão pedindo doações de sangue à população.

De acordo com a última atualização divulgada pelo Hemocentro, no dia 26, os únicos tipos de sangue com estoque de bolsas acima do mínimo de segurança foram os tipos AB+, que possuía 5 sendo que o estoque mínimo precisa ser de 4 bolsas, e B+, com 39 em um estoque mínimo de 20 bolsas.

Os tipos O+, O-, B-, AB-, A+ e A- estavam todos abaixo do mínimo. No caso do tipo AB-, não havia nenhuma bolsa sendo que o mínimo necessário é de 11. Já para o tipo A- havia apenas uma bolsa para o mesmo mínimo. No caso do tipo A+, havia 28 bolsas para um mínimo de 65. O tipo B- tinha 3 bolsas para um mínimo de 11, O- eram 5 bolsas para um mínimo de 19, e O+ tinha 51 bolsas para um mínimo de 100.

As doações de sangue devem ser agendadas através do telefone (18) 2102-9400. O horário para doações é de segunda-feira das 8h às 19h, de terça à sexta das 8h às 17h, e aos sábados das 7h às 11h. O Núcleo de Hemoterapia de Araçatuba fica na avenida Arthur Ferreira da Costa, 330, bairro Aviação.

A direção do Núcleo de Hemoterapia alerta que não há possibilidade de infecção por covid-19 durante a doação e destaca que todas as medidas de segurança foram tomadas para recebimento dos doadores durante a pandemia.

Quem pode doar

Existem alguns requisitos que são básicos para a doação de sangue. São eles: estar em boa condição de saúde; ter entre 16 e 69 anos, desde que a primeira doação tenha sido feita até 60 anos (menores de 18 anos, precisam vir com um responsável para doar); pesar no mínimo 51kg; estar descansado (ter dormido pelo menos 6 horas nas últimas 24 horas); estar alimentado (evitar alimentação gordurosa nas 4 horas que antecedem a doação); ter repousado bem na noite antes da doação; apresentar documento original com foto recente, que permita a identificação do candidato.

Caso o doador vá ao local acompanhado de crianças menores de 13 anos é necessário a presença de um outro adulto para cuidar delas.

O intervalo entre as doações de sangue é de 90 dias para as mulheres e de 60 dias para os homens. Sendo que as mulheres podem doar no máximo 3 vezes durante um período de 12 meses e os homens podem doar 4 vezes.

 
*matéria cedida pelo Portal LR1
 


 
Link
Tags »
Notícias Relacionadas »
Comentários »