27/10/2020 às 09h23min - Atualizada em 27/10/2020 às 09h23min

Vantagens de morar em um apartamento pequeno

Praticidade na hora de organizar o lar está entre os principais benefícios.

Assessoria de Imprensa
Foto: Divulgação

Um apartamento pequeno pode oferecer muitos benefícios para quem busca por conforto e praticidade no dia a dia. Uma tendência, indicada pela Secovi-Sp, em 2017[1] , já apontava que metade dos lançamentos na cidade de São Paulo seguiriam as medidas de 40 m².
 
Considerada um modo mais econômico de viver, principalmente, para quem mora sozinho, a procura fica, em grande parte, por conta de jovens adultos, em busca de um lugar mais privado, pessoas divorciadas e empresários que buscam uma vida mais simplificada. Embora pareça estranho optar por menos espaço, isso tem suas vantagens, e é o que você confere agora.
 

Tempo reduzido na limpeza

Apenas quem passa por este ritual todos os dias sabe o quão chato e cansativo pode ser limpar ambientes inteiros, sobretudo, os maiores. Isso é algo inevitável para quem mora em casas e apartamentos grandes, sendo que, dependendo do tamanho e da sujeira, um dia não é suficiente para limpar tudo.
 
Morar em um apartamento pequeno tem a vantagem de facilitar este momento, em especial, nos projetos que possuem pisos lisos, como laminados de madeira. Basta um aspirador e uma vassoura ou um rodo multiuso para garantir que o espaço esteja limpo o suficiente para poder andar descalço, sem preocupação.
 
Em consequência, você acaba usando uma menor quantidade de produtos de limpeza, o que faz a diferença no bolso no fim do mês — quem mora sozinho nas grandes cidades sabe como isso é bem-vindo.
 

Necessidade menor de móveis

A menos que você seja uma pessoa que gosta de empilhar objetos, o espaço reduzido é uma mão na roda para te ajudar a comprar menos e somente o necessário. Os suportes de parede para TVs, por exemplo, suprem a necessidade de um hack, que custa bem mais caro.
 
Algumas pessoas buscam apartamentos pequenos exatamente para adotarem um estilo de vida mais minimalista, então, compram ou até alugam móveis já usados, com bastante funcionalidade, sem deixar a estética de lado. Não é preciso navegar muito no Instagram ou no Pinterest para encontrar referências ótimas de espaços bonitos e com poucos elementos.
 

Conforto na medida certa

Embora espaços amplos sejam associados ao bem-estar e ao conforto, os apartamentos pequenos podem ser aconchegantes na medida certa, pois vão se moldando à personalidade do morador, com o passar do tempo. Eles acabam se tornando um espaço onde cada objeto tem o seu lugar, sem exageros.
 
Em algumas construções, é comum que apartamentos de 40 m², ou pouco menos, tenham mais de um quarto. Com o aumento da demanda pelo trabalho remoto, um dos cômodos pode ser transformado em um escritório compacto. Assim, você tem um ambiente a mais para atividades específicas, como estudar, trabalhar ou tomar um café de fim de tarde na poltrona.
 

Áreas externas compartilhadas

Projetos mais novos, de 2010 para cá, trazem o conceito de espaços privados mais compactos, além de áreas compartilhadas, amplas e multiusos. Lavanderias, jardins, lounges, mesas para refeições e terraços estão inclusos nesta lista de opções de lazer, que servem para dar um respiro nos momentos ociosos.
 
Alguns projetos foram bastante criticados por oferecerem apartamentos com menos de 30 m², mas, ao mesmo tempo, compensam o espaço criando áreas de convívio, que estimulam o relacionamento entre os moradores, ainda mais, quando oferecem opções para coworking, com foco na geração millennial.
 

Modernidade e opções de acabamentos

Não é porque o espaço é pequeno que ele precisa ser feito sem capricho. Construtoras mais contemporâneas investem em ambientes com opções de acabamento, como o concreto e o aço, abraçando uma estética industrial e rústica, bastante apreciada pelo público-alvo.
 
Os apartamentos com 40 m² ou menos, em formatos de loft ou studio, sem paredes divisórias, ainda permitem que o morador crie seu próprio ambiente, conforme o seu gosto e suas necessidades. Podem ser feitas adaptações com diferentes materiais, em que cada pessoa constrói o lar como preferir.
 
 
Link
Tags »
Notícias Relacionadas »
Comentários »