25/08/2020 às 16h23min - Atualizada em 25/08/2020 às 16h23min

Interior reduz roubos e furtos em geral e de veículos no mês de julho

Roubos de carga também reduziram no período; extorsões mediante sequestro permaneceram zeradas

SSP
O interior do Estado de São Paulo fechou o mês de julho com redução nos roubos e furtos em geral e de veículos e nos roubos de carga. O indicador de extorsão mediante sequestro permaneceu zerado.

Com 1.503 casos a menos, os roubos em geral tiveram queda de 31,7%, passando de 4.735 para 3.232. É a primeira vez, desde o início da série histórica em 2001, que o indicador fica abaixo de 4 mil no período.



No indicador roubos de veículo, a redução foi de 25,9%, com 231 ocorrências a menos (de 892 para 661). Os roubos de carga recuaram 22% (de 159 para 124) e os roubos a banco oscilaram de zero para um.

Os furtos em geral reduziram 31,4%, com 13.230 casos registrados no mês passado, ante 19.274 em igual período do ano passado. A tendência se estendeu para os furtos de veículo, que caíram 33% (de 2.666 para 1.787). Ambas as quantidades são as menores da série histórica.



Outros indicadores

O indicador de extorsão mediante sequestro permaneceu zerado pela quarta vez consecutiva. Os estupros oscilaram de 466 para 516 no mês, enquanto os latrocínios subiram de oito para 11 casos e de oito para 12 vítimas. 

Os casos de homicídios passaram de 90 para 124, enquanto o total de vítimas foi de 94 para 126. As taxas dos últimos 12 meses (de agosto de 2019 a julho de 2020) ficaram em 6,83 casos e 7,09 vítimas a cada 100 mil habitantes.

Produtividade

No sétimo mês do ano, o trabalho das polícias paulistas resultou em 8.072 prisões no interior de São Paulo. Além disso, 2.803 flagrantes de tráfico de drogas foram registrados e 611 armas de fogo foram retiradas das ruas.

 
Link
Tags »
Notícias Relacionadas »
Comentários »