20/03/2018 às 11h48min - Atualizada em 20/03/2018 às 11h48min

Fisioterapeuta dá dicas para evitar acidentes com idosos em casa

Assessoria de Imprensa
Fisioterapeuta Renata Ferreiro, de Araçatuba
Os idosos precisam receber atenção, porque é nessa fase em que os acidentes domésticos podem acontecer com mais facilidade. Isso porque o idoso tende a apresentar um processo de crescente vulnerabilidade e perda funcional nas atividades da vida diária, além da perda de habilidade de raciocínio e memória. Por esses motivos, é tão importante o cuidado com eles dentro e fora de casa.

Segundo a OMS (Organização Mundial de Saúde), a pessoa com 65 anos ou mais é considerada idosa, porém, a própria instituição acredita que a idade cronológica não é um determinante preciso para alterações que definem o envelhecimento. De acordo com o IBGE (Instituto Brasileiro de Geografia e Estatística), quase 20 milhões de brasileiros são idosos. O número, hoje, representa 11% da população, mas, conforme indicam as projeções de envelhecimento no País, poderá alcançar mais de 34 milhões de pessoas até 2025.

A queda da própria altura é uma das principais causas de morte acidental em idosos, por causa das consequências. De acordo com a fisioterapeuta Renata Ferreiro, existem dois fatores que podem contribuir para essas quedas: os intrínsecos e extrínsecos.

Os fatores intrínsecos são idade, déficits cognitivos e visuais, fraqueza muscular, artrose, depressão, doenças cerebelares, distúrbios de marcha, período pós-alta hospitalar e medicações.

Os extrínsecos prejudicam a mobilidade deste público no meio em que vivem. São eles, por exemplo, presença de tapetes, degraus entre cômodos, piso escorregadio, alarmes, altura da cama, iluminação inadequada, móveis de apoio instáveis, armários inacessíveis, animais de estimação, escada e sapatos inadequados.

Para a prevenção de quedas, a família pode, além de realizar avaliação rotineira destes fatores, procurar um fisioterapeuta que organize um programa individualizado focado na disfunção que o paciente apresenta. O tratamento tem como objetivo de ganho de força muscular, treino e equilíbrio e coordenação, além de exercícios cognitivos para estimular o raciocínio associado a atividades funcionais, durante terapia, que simulam o ambiente domiciliar.

Resultado de imagem para dicas para evitar acidentes com idosos em casa

Resultado de imagem para dicas para evitar acidentes com idosos em casa


 
Link
Tags »
Notícias Relacionadas »
Comentários »