11/03/2020 às 15h43min - Atualizada em 11/03/2020 às 15h43min

Presídios interceptam Cocaína, Maconha, K4, celular e comprimidos

Apreensões se deram na entrada das unidades, durante procedimentos de revista em visitantes

Assessoria de Imprensa
Foto: Divulgação
Nos dias 07 e 08 de março, estabelecimentos prisionais subordinados a Coordenadoria de Unidades Prisionais da Região Oeste do Estado (Croeste) registraram tentativas frustradas de inserção de objetos ilícitos nos presídios e que foram barrados durante os procedimentos de revista. Vale lembrar que os visitantes flagrados são excluídos do rol de visitas e levados à Delegacia de Polícia Civil mais próxima, sem prejuízo de responderem na esfera criminal. Também é instaurado Procedimento Disciplinar para apurar a cumplicidade dos presos que receberiam os materiais podendo, ainda, ser instaurados Procedimentos de Apuração Preliminar para apurar supostas responsabilidades funcionais.

PENITENCIÁRIA DE VALPARAÍSO
Duas mulheres foram barradas neste sábado (07) durante os procedimentos rotineiros de revista para entrada no presídio através do aparelho de escâner corporal. Uma delas trazia um invólucro contendo substância preta aparentando ser o entorpecente Haxixe. Como estava acompanhada de um menor de idade, o Conselho Tutelar foi chamado. A outra mulher trazia 02 (dois) invólucros contendo substância semelhante à cocaína. A Polícia Militar foi acionada e encaminhou as mulheres à delegacia. Elas também foram suspensas do rol de visitas e os sentenciados que seriam visitados foram levados ao Pavilhão Disciplinar.

PENITENCIÁRIA "MAURÍCIO HENRIQUE GUIMARÃES" DE PRESIDENTE VENCESLAU (PII)
Durante procedimento de revista na visitante feminina cadastrada como companheira no rol de visitas do sentenciado E.F.J, precisamente no momento em que foi submetida ao Scanner corporal, foi detectado pelo aparelho a presença de um objeto estranho na região pélvica da mulher. Ao ser questionada, a mesma retirou o objeto e o entregou, o qual tratava-se de 01 (um) invólucro contendo substância aparentando ser cocaína e 04 (quatro) chips de celular. Diante disto, a visitante e a apreensão foram encaminhadas à Delegacia de Polícia local para as providências pertinentes, e por sua vez, o preso isolado cautelarmente para apuração dos fatos em procedimento administrativo.  

PENITENCIÁRIA "ASP. ANÍSIO APARECIDO DE OLIVEIRA" DE ANDRADINA
A companheira de um sentenciado passava pelo escâner corporal a fim de entrar na penitenciária, quando o aparelho identificou uma imagem suspeita na região genital da mulher. Após ser indagada, ela se dirigiu a um local apropriado e retirou o volume contendo substância semelhante à maconha. A mulher foi encaminhada à delegacia local para providências cabíveis, além de ser suspensa do rol de visitas, tendo sido instaurado Procedimento Administrativo pertinente para apuração dos fatos.

PENITENCIÁRIA "ASP. LINDOLFO TERÇARIOL FILHO" DE MIRANDÓPOLIS (PII)
Por volta das 9h de sábado, duas mulheres tentaram passar pelos procedimentos de revista no aparelho de scanner corporal escondendo objetos ilícitos. Uma delas escondia no top 02 (dois) pedaços de papel, enquanto a outra trazia nas vestes mais 01 (um) pedaço de papel, ambos semelhantes ao entorpecente K-4. Logo após, foram conduzidas à Delegacia de Polícia local para as providências cabíveis, além de serem suspensas do rol de visitas. Os sentenciados envolvidos foram encaminhados ao Pavilhão Disciplinar e responderão a procedimento interno para apuração preliminar dos fatos.

CENTRO DE PROGRESSÃO PENITENCIÁRIA "DR. JAVERT DE ANDRADE" DE SÃO JOSÉ DO RIO PRETO
No momento em que os Agentes de Segurança Penitenciária (ASP) passavam os pertences das visitantes de sentenciados pela revista, encontraram dentro de uma sacola 01 (uma) garrafa pet de 2litros de refrigerante, porém, dentro dela havia um líquido exalando cheiro de bebida alcóolica, o que é proibido. A mulher foi impedida de entrar na unidade e suspensa do rol de visitas. Além das demais providências administrativas que foram tomadas.

PENITENCIÁRIA DE IRAPURU
Ao passar três mulheres pelo escâner corporal, neste sábado, para procedimentos rotineiros de revista em visitantes, Agentes de Segurança Penitenciária visualizaram nas imagens geradas pelo aparelho que todas traziam algo inserido no órgão genital. Indagadas, uma confessou o fato e em local apropriado retirou o objeto do corpo, entregou e confirmou as suspeitas de que nele havia 01 (um) celular e 01 (uma) placa de celular. Já as outras duas negaram que portassem algo ilícito e foram encaminhadas à Santa Casa de Junqueirópolis onde o exame por Raios X confirmou a suspeita anterior. Em um banheiro, retiraram o objeto do corpo e entregaram, os quais continham 01 (um) aparelho celular e 100 gramas de substância entorpecente com aparência de cocaína, respectivamente. Todas as visitantes foram encaminhadas à autoridade policial e suspensas do rol de visitas, enquanto os sentenciados, conduzidos preventivamente ao Pavilhão Disciplinar para apuração dos fatos.

PENITENCIÁRIA "PAULO GUIMARÃES" DE LAVÍNIA III
A mãe de um sentenciado foi surpreendida durante os procedimentos de segurança para visitar o filho preso na unidade, no último sábado. Após passar pelo scanner corporal, agentes desconfiaram que ela escondia algo suspeito e a questionaram ao perceber através do cós da calcinha da mulher que havia anotações à caneta no interior da peça íntima da mesma. Logo em seguida, a visita se dirigiu ao banheiro e depois entregou a peça por espontânea vontade às agentes prisionais. Foram realizados os procedimentos de praxe para o caso.

PENITENCIÁRIA "NESTOR CANOA" DE MIRANDÓPOLIS (PI)
Neste domingo (08), durante a realização do procedimento de revista dos visitantes, os servidores da unidade constataram que a visitante J.P.P., companheira de um sentenciado, estava de posse de um amarrador de cabelo com espessura anormal. Após vistoriar o objeto, encontrou-se bilhete contendo anotações, contas bancárias e valores, bem como, um invólucro que acondicionava 52 (cinquenta e dois) comprimidos brancos. Sendo assim, em atendimento às determinações legais, a visitante foi cientificada da suspensão do direito de visitação e posteriormente encaminhada à Delegacia de Polícia de Mirandópolis. Por conseguinte, o recluso foi isolado preventivamente para cumprimento de sanção disciplinar.

PENITENCIÁRIA "LUIS APARECIDO FERNANDES" DE LAVÍNIA (PII)
Ao passar a companheira de um sentenciado pelo equipamento de escâner corporal, a fim de realizar procedimento de segurança de praxe, os agentes notaram algo suspeito no corpo da mulher que, indagada, retirou voluntariamente e entregou a eles 01 (um) pedaço de papel, aparentando suposto entorpecente sintético "K4". A mulher foi suspensa do rol de visitas e o sentenciado isolado preventivamente, enquanto responde a Procedimento Disciplinar para melhor apuração dos fatos.

PENITENCIÁRIA "SILVIO YOSHIHIKO HINOHARA" DE PRESIDENTE BERNARDES
No último domingo (8), uma visitante do sexo feminino foi surpreendida tentando entrar com material ilícito na Penitenciária "Silvio Yoshihiko Hinohara" de Presidente Bernardes. Por volta das 10h, durante procedimento de revista com scanner corporal, a mulher foi flagrada com a posse de 01 (um) invólucro contendo substância branca, supostamente entorpecente, que mantinha escondido na genitália. Em seguida, foi conduzida à delegacia local onde foi lavrado o respectivo Boletim de Ocorrência, além de ser suspensa do rol de visitas. Também foi instaurado Procedimento Disciplinar para apurar a cumplicidade do sentenciado que receberia o ilícito.
Link
Tags »
Notícias Relacionadas »
Comentários »