14/01/2020 às 10h06min - Atualizada em 14/01/2020 às 10h06min

Presídios da região registram diversas apreensões com visitantes

Fim de semana foi marcado por flagrantes durante procedimentos de revista para entrada nos estabelecimentos

Eliane de Oliveira Borges
Assessoria de Imprensa
Foto: Divulgação
Nos dias 11 e 12 de janeiro, estabelecimentos prisionais subordinados a Coordenadoria de Unidades Prisionais da Região Oeste do Estado (Croeste) registraram tentativas frustradas de inserção de objetos ilícitos nos presídios e que foram barrados durante os procedimentos de revista. Vale lembrar que os visitantes flagrados são excluídos do rol de visitas e levados à Delegacia de Polícia Civil mais próxima, sem prejuízo de responderem na esfera criminal. Também é instaurado Procedimento Disciplinar para apurar a cumplicidade dos presos que receberiam os materiais podendo, ainda, ser instaurados Procedimentos de Apuração Preliminar para apurar supostas responsabilidades funcionais.

PENITENCIÁRIA "LUIS APARECIDO FERNANDES" DE LAVÍNIA II

No último final de semana, durante os procedimentos de revista através do aparelho de scanner corporal, duas visitantes foram surpreendidas tentando adentrar a unidade prisional com objetos ilícitos. No primeiro caso, ocorrido no dia 11/01, a companheira de um sentenciado possuía algo suspeito em seu corpo, tratando-se de um invólucro contendo 01 (um) micro aparelho celular, o qual retirou e entregou voluntariamente após o flagra. Já na segunda apreensão, ocorrida no dia 12/01, a visitante J. F., mãe do sentenciado R. F. S., também trazia algo em seu corpo e, sendo indagada, retirou e entregou voluntariamente 01 (um) invólucro contendo substância aparentando ser entorpecente cocaína. Foram lavrados os Comunicados de Evento, os sentenciados isolados preventivamente e instaurados Procedimentos Disciplinares para melhor apuração dos fatos. As visitantes, juntamente com os materiais apreendidos, foram apresentadas perante a Autoridade Policial para as providências da Polícia Judiciária, sendo ainda confeccionados expedientes de suspensão do direito de visitação, nos termos da Resolução SAP-144/2010.

PENITENCIÁRIA "ASP PAULO GUIMARÃES" DE LAVÍNIA III

Por volta das 09h30 e 11h30 deste sábado, no setor de portaria da unidade, duas visitantes foram flagradas tentando adentrar com 01 (um) aparelho de telefonia celular cada. Ambas estavam cadastradas como companheiras de sentenciados e foram surpreendidas durante o procedimento de revista através de scanner corporal, que acusou a presença dos aparelhos introduzidos no reto das referidas visitantes. 

No domingo, por volta das 10h, também no setor de portaria, a companheira de outro sentenciado foi surpreendida tentando ingressar no ambiente carcerário com 02 (duas) placas de aparelho de telefonia celular, localizadas durante o procedimento de inspeção de alimentos e produtos de higiene, trazidos pela visitante. Os objetos foram visualizados através do equipamento de Raios X, e estavam camufladas no interior de pedaços de carne, acondicionados em uma vasilha plástica. Em ambos os casos, as providências pertinentes foram adotadas e os sentenciados isolados preventivamente em cela disciplinar.

PENITENCIÁRIA "NESTOR CANOA" DE MIRANDÓPOLIS I

No último domingo, durante a realização do procedimento de revista corporal através do aparelho Body Scanner, duas visitantes foram surpreendidas com objetos ilícitos. Por volta das 07h, a esposa de um sentenciado foi flagrada com um invólucro, pesando 50 (cinquenta) gramas, contendo substância esverdeada semelhante ao entorpecente maconha, introduzido no órgão genital. No mesmo dia, por volta das 07h30, outra visitante cadastrada como companheira de sentenciado, também foi flagrada com objeto estranho no interior do seu corpo, porém a mesma negou portar qualquer ilícito, sendo encaminhada ao Hospital Estadual de Mirandópolis. Após a constatação do objeto, através do exame de raios X, a visitante retirou um invólucro com aproximadamente 54 (cinquenta e quatro) gramas de substância esverdeada, semelhante à maconha.

Diante dos fatos, às visitantes foram cientificadas da suspensão do direito de visitação e posteriormente encaminhadas a Delegacia de Polícia de Mirandópolis para as providências legais. Por conseguinte, os reclusos foram encaminhados preventivamente ao pavilhão disciplinar. 

PENITENCIÁRIA "ASP LINDOLFO TERÇARIOL FILHO" DE MIRANDÓPOLIS II

Ao ser submetida ao equipamento de scanner corporal, foi verificado que havia algo estranho no sutiã da visitante M. A. A. O. que, ao ser revistado, possuía 03 (três) invólucros contendo erva esverdeada, semelhante a maconha, escondidos no bojo. Diante da ocorrência, foi acionada a Policia Militar, que conduziu a visitante a Delegacia de Polícia local, bem como a suposta droga apreendida para providências cabíveis. Foi instaurado Procedimento Disciplinar em desfavor do sentenciado, bem como da visitante.

PENITENCIÁRIA DE ASSIS

No dia 12/01, durante o procedimento de revista através do equipamento de raios X, foram detectados 04 (quatro) pequenos invólucros embutidos na alça da sacola de mantimentos trazidos pela visitante A. A. S. S. M., companheira do sentenciado V. H. P., os quais continham suposto entorpecente maconha, pesando 6,3 gramas. A visitante foi encaminhada a Central de Polícia Judiciária para providências cabíveis, e o sentenciado recolhido em cela disciplinar para os procedimentos de praxe.

PENITENCIÁRIA "SÍLVIO YOSHIHIKO HINOHARA" DE PRESIDENTE BERNARDES

Visitantes foram flagradas tentando adentrar a unidade penitenciária com suposta droga sintética "k-4" durante o último final de semana. As apreensões se deram durante o procedimento de revista através de scanner corporal, sendo duas visitantes surpreendidas no sábado em posse de folhas com a suposta droga, as quais mantinham escondidas na região da panturrilha e na calcinha, respectivamente, e outra visitante surpreendida no domingo, com mais 07 (sete) cartelas da mesma droga, as quais estavam ocultas na região da genitália. As visitantes em questão foram conduzidas à Delegacia de Polícia local, onde foram lavrados os respectivos Boletins de Ocorrência. Também foram instaurados Procedimentos Disciplinares para apurar a cumplicidade dos sentenciados que receberiam os ilícitos.

PENITENCIÁRIA DE LUCÉLIA

A visitante M. S. O. C., mãe do sentenciado F. C., foi surpreendida durante o procedimento de revista no último domingo ao tentar introduzir ao interior da unidade prisional 01 (um) aparelho de telefonia celular, o qual estava oculto no absorvente que utilizava dentro de sua peça íntima (calcinha). Após o flagrante, a visitante e o material apreendido foram encaminhados à delegacia de polícia local, e o sentenciado conduzido ao pavilhão disciplinar.

PENITENCIÁRIA DE ANDRADINA

Por volta das 07h45 do dia 11 de janeiro, uma visitante foi flagrada com uma cartela contendo 04 (quatro) comprimidos de estimulante sexual escondidos em meio as mercadorias trazidas para o sentenciado L. R. R.. Diante do fato, foi instaurado Procedimento Administrativo a fim de apurar o caso, estando a visitante suspensa do direito de visitar naquela unidade prisional.

PENITENCIÁRIA DE VALPARAÍSO

Durante procedimento de revista na sacola com alimentos trazida pela visitante T. D. S. P., companheira do sentenciado F. R. A., foram encontrados dentro de uma vasilha com alimentação 02 (dois) invólucros contendo folhas de papéis de cor amarelada e branca, aparentando ser droga sintética "k-4". A Polícia Militar foi acionada e a visitante encaminhada a Delegacia de Polícia local, sendo suspensa do rol de visitas e o sentenciado encaminhado para o pavilhão disciplinar. O fato aconteceu no último domingo, dia 12/01.

PENITENCIÁRIA "MAURÍCIO HENRIQUE GUIMARÃES PEREIRA" DE PRESIDENTE VENCESLAU II

No último final de semana, durante os procedimentos de revista, três visitantes foram surpreendidas tentando adentrar com objetos ilícitos na Penitenciária II de Presidente Venceslau. A primeira apreensão, ocorrida no sábado, por volta das 09h30, foi durante a revista do "jumbo" pertencente a visitante cadastrada como companheira do sentenciado A. C. M. S., sendo encontrado 03 (três) invólucros dentro de um frasco de desodorante, os quais continham 03 (três) pedaços de papéis com manuscritos e 02 (dois) cartões de memória micro SD. As outras duas apreensões ocorreram no domingo, durante o procedimento de revista através do aparelho de scanner corporal, onde uma visitante cadastrada como companheira do sentenciado R. A. S., através de imagem suspeita, confirmou que portava material ilícito introduzido nas partes genitais, entregando um invólucro contendo substância amarelada com aspecto de entorpecente crack e 02 (dois) papéis com anotações.

A segunda apreensão do domingo também ocorreu durante revista através do scanner corporal, que detectou algo suspeito no reto da companheira do sentenciado M. S. O. A mulher negou qualquer irregularidade, sendo conduzida até a Santa Casa Local e, após a realização de exame de raios X, assumiu estar transportando entorpecente em seu corpo, retirando um invólucro com 127,54 gramas de maconha.

Diante dos fatos, as visitantes em questão foram impedidas de adentrar para visitação e conduzidas ao Plantão Policial, sendo os sentenciados encaminhados ao isolamento cautelar, para apuração dos fatos em procedimento administrativo.

PENITENCIÁRIA "OZIAS LÚCIO DOS SANTOS" DE PACAEMBU

A visitante T. C. S., companheira do sentenciado C. F. S., foi surpreendida neste domingo tentando adentrar a unidade prisional com 04 (quatro) invólucros contendo erva esverdeada, supostamente maconha. A apreensão ocorreu durante procedimento de revista através de scanner corporal, que acusou a presença do material ilícito escondido na barra da calça que ela usava. A Polícia Militar foi acionada e a visitante conduzida para a Delegacia de Polícia local, para as providências de praxe. Igualmente, foi instaurado Procedimento Disciplinar a fim de apurar eventual cumplicidade por parte do sentenciado que seria visitado, o qual se encontra isolado preventivamente em pavilhão disciplinar, bem como, autuado Expediente Avulso visando à suspensão da visitante em comento.

PENITENCIÁRIA DE TUPI PAULISTA

No último sábado, dia 11/01, foram registradas duas apreensões na penitenciária masculina de Tupi Paulista. A primeira apreensão ocorreu durante a revista dos pertences e alimentos trazidos pela visitante I. C. G, irmã do sentenciado P. S. V., sendo localizado 01 (um) aparelho de telefonia celular, o qual a visitante em questão afirmou dele não ser proprietária. Durante análise das imagens constantes no aparelho, foi verificado que possivelmente pertenceria a Sra. A. C. R., cadastrada como companheira do sentenciado M. A. R., que confirmou a propriedade do aparelho, declarando o possível envolvimento de uma terceira visitante. A Polícia Civil foi acionada e as visitantes foram encaminhadas a Delegacia local para as devidas providências e averiguações.

Ainda no mesmo dia, durante o procedimento de revista dos pertences e alimentos trazidos pelo Sr. R. Z., cadastrado como pai do sentenciado R. H. B. Z., foi localizada uma cédula de dinheiro corrente, no valor de R$ 5,00 (cinco reais), sendo o visitante devidamente comunicado e as medidas cabíveis adotadas.

 
Link
Tags »
Notícias Relacionadas »
Comentários »