13/01/2020 às 09h50min - Atualizada em 13/01/2020 às 09h50min

Palmeiras vence Sertãozinho e se classifica para terceira fase da Copinha

Palmeiras FC
Foto: Divulgação
Em Araraquara-SP, o Sub-20 do Palmeiras venceu o Sertãozinho por 3 a 0, na Arena da Fonte Luminosa, neste domingo (12), e se classificou para a terceira fase da Copa São Paulo de Futebol Júnior. Os três gols alviverdes foram marcados no segundo tempo por Fabricio, Ramon e Lucas Cordeiro. 

Contra o Sertãozinho, Wesley Carvalho completou 17 partidas pelo Verdão na Copinha e se tornou um dos técnicos que mais comandou o clube na competição, igualando a marca de Godê, que treinou a base alviverde nos anos 70. Além disso, com 12 vitórias, dois empates e três derrotas em 17 jogos, Wesley é o treinador com maior números de triunfos no torneio na história do Palmeiras.

Na próxima fase, o Verdão encara o Goiás, que superou a Ferroviária neste domingo (12), também em Araraquara-SP – o duelo está marcado para terça-feira (14), às 17h, na Fonte Luminosa. O time palestrino terminou a fase classificatória em segundo lugar no Grupo 17, com seis pontos conquistados (duas vitórias e uma derrota), atrás apenas da Ferroviária, líder da chave com nove pontos. 

A 51ª Copa São Paulo tem a participação de 128 clubes divididos em 32 sedes na primeira fase. Os dois melhores de cada grupo avançaram para a segunda etapa. São seis duelos eliminatórios no total, todos em jogo único, com a final marcada para o dia 25 de janeiro, no estádio do Pacaembu. O Verdão busca o título inédito do torneio e foi vice-campeão nas edições de 1970 e 2003.

Antes do início da partida, um minuto de silêncio foi respeitado em homenagem ao ex-goleiro Valdir Joaquim de Morais, que faleceu neste sábado (11), aos 88 anos, em Porto Alegre-RS, vítima de falência múltipla dos órgãos. Além de ser considerado um dos melhores arqueiros da história do clube, Valdir foi o pioneiro no treinamento específico da posição no Brasil.

O jogo

O Palmeiras começou a partida com mais posse de bola e sendo mais incisivo. A equipe alviverde criou diversas chances de finalizar, principalmente com Gabriel Silva — o goleiro Maicon, porém, levou a melhor em boa parte delas, enquanto outras foram chutadas para fora. A estratégia do Sertãozinho, por sua vez, era o contra-ataque liderado por João Pedro, levando perigo ao gol de Magrão em poucas oportunidades. O primeiro tempo terminou em um empate em 0 a 0.

O Verdão voltou do intervalo com Miqueias no lugar de Tomás. Arriscando mais na metade final, o Sertãozinho obrigou o goleiro Magrão a fazer boas defesas para impedir que o adversário abrisse o placar. Para segurar o ímpeto dos mandantes, o Palmeiras apostou na ofensividade: aos 15 minutos, Gabriel Silva desviou para a área, Marcelinho cruzou rasteiro e Fabricio ficou sozinho para completar. (Sertãozinho 0 x 1 Palmeiras).

Sem dar chance para o Sertãozinho se recuperar, o Maior Campeão do Brasil continuou pressionando no ataque. Aos 17, Ramon cobrou falta da intermediária, no ângulo esquerdo, e ampliou a vantagem palestrina no marcador. (Sertãozinho 0 x 2 Palmeiras).

A chuva, que caía desde o primeiro tempo, ficou mais forte no final da partida, dificultando as condições de jogo para as duas equipes. Mesmo assim, o Verdão conseguiu marcar o terceiro, aos 30 minutos. Marcelinho dominou na entrada da área, girou e chutou forte para o gol. A bola desviou em Lucas Cordeiro e entrou, sem chances para Maicon. (Sertãozinho 0 x 3 Palmeiras).

Durante a segunda etapa, Guilherme Vieira, Hiago, Lucas Cordeiro, João Pedro e Garcia substituíram Gabriel Góes, Vanderlan, Fabricio, Gabriel Silva e Marcelinho. Os raios e trovões que atingiam a região fizeram com que a arbitragem suspendesse a partida, que ficou paralisada por 26 minutos. Em virtude da má situação do campo, o final de jogo foi confuso e nenhum dos times conseguiu criar nada.
Link
Tags »
Notícias Relacionadas »
Comentários »