03/01/2020 às 16h37min - Atualizada em 03/01/2020 às 16h37min

Mercado de estética é tendência de empreendedorismo em 2020

Jordana Hedler
Assessoria de Imprensa
Foto: Divulgação
Atualmente, a procura de pessoas por ter seu próprio negócio, aumentou e com isso mais oportunidades surgiram, principalmente na área de cuidados pessoais, como é a área da estética.

Não somente mulheres, mas também homens, têm se interessado pelos cuidados que podem melhorar a pele, cabelos e outras partes do corpo.

Então, se você procura saber mais sobre esse setor, acompanhe o artigo a seguir e veja as informações recentes que podem fazer com que este seja seu próprio negócio.
 

Serviços de estéticas aumentaram nos últimos anos

 
Antigamente, eram poucas as opções de autocuidado disponíveis, inclusive, o acesso era mais limitado às classes sociais C e D.

Entretanto, com a tecnologia aplicada no setor, fez com que novos serviços surgissem como os descritos abaixo:
 
  • Unhas em gel e em porcelana, com longa durabilidade;
  • Sobrancelha definitiva;
  • Micropigmentação nos lábios;
  • Cílios postiços de longa duração;
  • Limpeza de pele com produtos especiais;
  • Estética facial e corporal;
 
Como resultado, a demanda e oferta se tornaram mais equilibradas, difundindo os serviços por todos os bairros e centros das grandes cidades.
 

Facilidade de montar seu próprio centro estético

 
As facilidades e vantagens de montar um centro estético em casa, ou no seu salão, torna ainda mais interessante o setor.

Seja para mulheres, que precisam cuidar dos filhos ou até mesmo homens que tenham se identificado com o setor, o fato é que é possível ter seu próprio centro de estética em algum espaço em casa.

Outra vantagem, é de oferecer serviços que estejam em falta na região, agregando uma clientela maior, bem como, sua fidelidade.

Para isso, é preciso considerar o espaço, as necessidades prediais do local, e claro, as condições de higiene.
 

Qualificações profissionais

 
Outro ponto positivo do setor de beleza e estética, é o suporte de conhecimento que existe nesta área.­

Devido às novas tendências, que nelas inclui o manejo de equipamentos, ou produtos exclusivos, o interesse por escolas e institutos de investir em mão de obra para ministrar cursos também aumentou.

Logo, a economia em torno do setor ganha força e destaque, onde, profissionais buscam cada vez mais qualificações para garantir bom atendimento e confiabilidade dos clientes.
 

Cuidados pessoais faz bem à autoestima

 
Definitivamente, aquilo que antes era visto como vaidade, passou a ser hoje um momento de cuidado pessoal, logo, um investimento que a pessoa quer fazer periodicamente em si mesma.

Isso de certa forma, é positivo, uma vez que, se cuidar melhora a autoestima, e diminui o stress, já que pode ser visto também como um momento de relaxamento.

Dessa forma, as pessoas não mais têm se privado de ir aos salões e clínicas de beleza, justamente, por sentirem satisfação pessoal e bem-estar.

Concluindo, o setor de estética e beleza, não é apenas uma tendência passageira, mas sim, um empreendimento que a cada ano, ganha mais espaço, ganha mais adeptos.

Além disso, há muita tecnologia sendo investida para ampliar e melhorar a qualidade dos serviços disponibilizados para aqueles que gostam dos serviços, bem como, para captar aqueles que ainda não o utilizaram.
 

 
Link
Tags »
Notícias Relacionadas »
Comentários »