05/03/2018 às 11h16min - Atualizada em 05/03/2018 às 11h16min

Nos acréscimos, Tricolor conquista virada aguerrida em Lins

Com gols de Reinaldo e Rodrigo Caio, São Paulo venceu o Linense por 2 a 1 na noite deste domingo (4).

São Paulo FC
Foto: Divulgação
Nos acréscimos, com muita vontade e postura valente, o Tricolor venceu o Linense de virada por 2 a 1 na noite deste domingo (4) em duelo válido pela décima rodada do Campeonato Paulista. Reinaldo, no primeiro tempo, e Rodrigo Caio, já nos instantes finais da partida, balançaram as redes para garantir o triunfo que aproximou o clube da classificação para o mata-mata.

Com o resultado, o São Paulo se isolou ainda mais na liderança do Grupo B enquanto aguarda o desfecho da rodada, agora com 14 pontos. O emocionante triunfo, no Estádio Gilbertão, deu motivação extra ao time para encarar o próximo desafio no torneio estadual: na quinta-feira (8), às 20h30, o Tricolor enfrentará o Palmeiras fora de casa.

Para encarar o clube do interior, o técnico Dorival Júnior não contou com Sidão (contratura no músculo adutor direito), Anderson Martins (mialgia na região dorsal), Jucilei (contratura na coxa direita) e Morato (aprimora forma física após cirurgia para reconstrução de ligamento do joelho). Assim, o comandante escalou o time com Jean; Éder Militão, Rodrigo Caio, Arboleda e Reinaldo; Hudson, Petros e Cueva; Marcos Guilherme, Brenner e Valdívia.

Já o adversário atuou com Pegorari; Reginaldo, Adalberto, Matheus Lopes e Fernandinho; Marcão Silva, Bileu, Danielzinho e Murilo Henrique; Thiago Humberto e Wilson. Quando a bola rolou, o São Paulo trocou passes no campo de defesa e estudou os movimentos iniciais de jogo. O Linense tentava sair jogando com a bola no chão, mas o Tricolor subiu as linhas e pressionou.

E justamente quando tentava largar na frente, a equipe são-paulina sofreu o gol dos mandantes aos 37 minutos do primeiro tempo, anotado por Murilo Henrique. Sem acusar o golpe, o Tricolor tratou de retomar o controle da partida e conseguiu deixar tudo igual antes mesmo do intervalo: aos 41, após troca de passes entre Cueva e Reinaldo, o lateral-esquerdo recebeu dentro da área e encheu o pé. O chute saiu forte, cruzado, no alto, e a bola ainda explodiu no travessão antes de entrar! 1 a 1!

Na volta para a segunda etapa, Dorival teve que mexer no time: com cansaço muscular, Reinaldo foi substituído por Edimar. Em busca da vitória, os visitantes ficaram mais tempo no campo de ataque e criaram as melhores oportunidades para balançar as redes. Para ter novas opções ofensivas, a equipe ainda contou com as entradas de Diego Souza e Nene, que herdaram as vagas de Marcos Guilherme e Cueva aos 19 minutos.


Valdívia, sempre participativo, foi quem mais buscou o jogo na frente e foi constantemente acionado pelos companheiros. Pelas pontas ou por dentro, o camisa 21 tentou o gol de todas as formas e recebeu aplausos da torcida pelo empenho. E foi assim, com muito ímpeto e espírito guerreiro de acreditar até o fim, que o São Paulo conquistou a virada já nos acréscimos.

Aos 47 minutos, após cobrança de escanteio, Rodrigo Caio subiu bem e testou firme para balançar as redes! O cabeceio do camisa 3 foi certeiro, no canto e sem chance para o goleiro. Muita comemoração dos atletas são-paulinos, que correram para abraçar o defensor e festejar o importante triunfo fora de casa! 2 a 1!




 
Link
Tags »
Notícias Relacionadas »
Comentários »