07/10/2019 às 09h41min - Atualizada em 07/10/2019 às 09h41min

Palmeiras empata com Atlético-MG no Allianz Parque e chega a 26º jogo invicto como mandante

Palmeiras FC
Foto: Divulgação
 
Na briga pelas primeiras posições na classificação do Campeonato Brasileiro, o Palmeiras recebeu o Atlético-MG no Allianz Parque, neste domingo (06), em partida válida pela 23ª rodada da competição, e empatou em 1 a 1 com a equipe mineira. O duelo foi equilibrado, com domínio atleticano no primeiro tempo e vantagem alviverde no segundo: Nathan abriu o placar para os visitantes e Dudu fez um golaço na segunda etapa para deixar tudo igual.

Com o empate, o Verdão completa 26 paartidas sem ser derrotado jogando como mandante no Brasileirão. O último revés foi no dia 26/05/2018, quando o clube foi superado pelo Sport, por 3 a 2, no Allianz Parque. Desde então, o Maior Campeão do Brasil acumula 26 jogos de invencibilidade: 22 vitórias e quatro empates. A última vez que isso aconteceu foi entre 1985 e 1987, quando o time ficou 27 duelos sem perder.

Na tabela da competição, o Palmeiras chegou aos 47 pontos conquistados e segue na vice-liderança – o líder é o Flamengo, cinco pontos à frente, com 52. O Santos, próximo adversário alviverde na competição, é o terceiro colocado, com 44 pontos. O clássico, válido pela 24ª rodada do Brasileiro, será disputadado na quarta-feira (09), às 21h30, na Vila Belmiro, em Santos-SP.

O jogo

Com Mano Menezes suspenso pelo acúmulo de três cartões amarelos, o auxiliar Sidnei Lobo substituiu o técnico no banco de reservas contra o Atlético-MG. Sidnei é 13º treinador a comandar o Verdão no Allianz Parque, considerando técnicos, auxiliares e interinos. Os outros foram, em ordem cronológica: Dorival Júnior, Oswaldo de Oliveira, Alberto Valentim, Marcelo Oliveira, Tico dos Santos, Cuca, Cuquinha, Eduardo Baptista, Roger Machado, Wesley Carvalho, Felipão e o próprio Mano Menezes.

No primeiro tempo, a partida foi equilibrada, com poucas chances claras de gol. O sistema defensivo da equipe mineira funcionou e segurou ímpeto de ataque alviverde. Mesmo jogando no seu campo de defesa e tendo menos posse de bola, o Atlético-MG conseguia dar trabalho a Weverton em chutes de fora da área, cobranças de falta e escanteios. Quando parecia que a etapa inicial terminaria em 0 a 0, Nathan abriu o placar para os visitantes em jogada individual seguida por um chute rasteiro cruzado, sem chances para o goleiro palestrino. (Palmeiras 0 x 1 Atlético-MG).
Link
Tags »
Notícias Relacionadas »
Comentários »