23/09/2019 às 15h10min - Atualizada em 23/09/2019 às 15h10min

Setembro Amarelo: Prefeitura de Birigui e parceiros realizaram ação na praça Dr. Gama

Assessoria de Imprensa
A Secretaria Municipal de Saúde, com o apoio de parceiros e voluntários, realizou no último sábado, dia 21, o Dia D – Valorização da Vida, ação da campanha Setembro Amarelo, que visa promover atividades de prevenção ao suicídio.

A ação aconteceu na praça Dr. Gama, das 9 às 14h. A campanha brasileira de prevenção ao suicídio surgiu em 2014, por meio de uma iniciativa do Centro de Valorização da Vida, do Conselho Federal de Medicina e da Associação Brasileira de Psiquiatria.

Em Birigui, a programação contou com trabalho voluntário de 10 terapeutas, que aplicaram a técnica Barras de Access nos presentes interessados que visitaram a praça. Cerca de 550 pessoas passaram pelas atividades da ação.



Houve, ainda, dança circular, pintura facial para crianças, maquiagem, alongamento, tênis de mesa, massagemn Quick, teste rápido de sífilis, brincadeiras educativas para o público infantil e cama elástica para crianças.

O prefeito de Birigui, Cristiano Salmeirão, e a secretária municipal de Saúde, Marian Fátima Nakad, prestigiaram a ação, assim como o secretário municipal de Esportes e Lazer, Ivan Ribeiro, o vereador Vadão da Farmácia, e a secretária adjunta de Saúde, Marta Firmino.

“O Setembro Amarelo é uma campanha de muita importância para a nossa sociedade. Ela visa conscientizar as pessoas sobre os fatores de risco para o comportamento suicida. A campanha orienta para o tratamento adequado dos transtornos mentais, que representam 96% dos casos de morte por suicídio”, explicou o prefeito de Birigui.



Segundo a terapeuta Vera Vitorelli, uma das voluntárias no evento, estatísticas mostram que o suicídio vem crescendo drasticamente numa espera global, sendo em sua maioria originado na depressão.

“As pessoas não estão conseguindo lidar com os sentimentos e com as emoções que causam dor. Para algumas pessoas essa dor é tão grande que elas acabam tirando a própria vida”, falou a terapeuta.

De acordo com Vera, as pessoas querem acabar com a dor, não com a vida. “A depressão é uma doença que precisa ser tratada adequadamente. A pessoa deve ser atendida por um médico, por um psicólogo ou por terapeutas”, completou Vera.



A Prefeitura de Birigui conta com o Ambulatório de Saúde Mental, que atende na avenida João Cernach, 2.360, Vila Moimaz. Os profissionais do Ambulatório também estão trabalhando a campanha Setembro Amarelo.

A programação conta com várias atividades, entre palestras, café da manhã para os pacientes, entretga do botton com o símbolo da campanha, divulgação do número 188, dinâmicas reflexivas, entre outros.



BARRA DE ACCESS - Uma das atividades que ocorreu na praça Dr. Gama foi a aplicação da técnica Barra de Access, que por meio de toques terapêuticos em pontos específicos da cabeça elimina arquivos mentais que não fazem sentido. O prefeito Cristiano Salmeirão foi um dos interessados na técnica.

PARCEIROS

A Prefeitura de Birigui agradece o apoio dos parceiros: Vicente Fisioterapia, Vera Vitorelli e grupo de terapeutas, Branquinho Estabile Recreações, Secretaria de Cultura e Turismo, UNICESUMAR, CCVZ (Centro de Controle de Vetores e Zoonoses), NASF-AB, Cenaic, ITB, Vigilância Epidemiológica de Birigui, SAE, Secretaria de Esportes e Lazer, Ambulatório de Saúde Mental, Cemade e instrutora de dança circular Liliana Ribeiro de Carvalho.
Link
Tags »
Notícias Relacionadas »
Comentários »