12/09/2019 às 08h38min - Atualizada em 12/09/2019 às 08h38min

Ritinha Prates promove Festa da Primavera

Evento será realizado no próximo dia 14 e terá 100% da renda revertida para a instituição

Marcelo Teixeira
Assessoria de Imprensa
Espetinhos, pastéis, cachorro quente, doces, cerveja, refrigerante, brinquedos para a criançada se divertir, música ao vivo com Daniel Gama & Banda e bingos. Assim será a terceira edição da Festa da Primavera, que a Associação de Amparo ao Excepcional Ritinha Prates, de Araçatuba (SP), vai realizar no próximo dia 14 de setembro. O evento começará às 19h, no estacionamento da entidade, com entrada pela rua Vereador Aldo Campos, próximo ao número 2.586, no bairro Rosele.
 
Diversos brindes doados por empresas parceiras farão parte dos bingos, e o prêmio principal será uma moto Honda CG 125 Fan 2016 (usada, revisada e documentada). As cartelas das rodadas iniciais custarão R$ 5,00 e serão vendidas durante o evento. Já as cartelas da rodada principal já estão à venda, podendo ser encontradas na própria entidade, ao custo R$ 20,00. Mais informações podem ser obtidas pelos telefones (18) 3117-3627 e (18) 3636-1722.
 
A presidente da Ritinha Prates, Maria Aparecida Nascimento Xavier (Cida), explica que a entidade depende de doações e eventos como a Festa da Primavera para complementar os repasses do SUS (Sistema Único da Saúde), que correspondem a 55% das receitas. "Além de promoverem a interação entre a sociedade e os nossos usuários, ações como a Festa da Primavera ajudam a fomentar a solidariedade, já que 100% da renda do evento serão revertidos para a nossa instituição", afirma Cida.
 
A Entidade
 
Sem fins lucrativos, a Associação de Amparo do Excepcional Ritinha Prates (AAERP) existe há 42 anos trabalha na área da saúde e inclusão social, por meio do Hospital Neurológico Ritinha Prates (HNRP), com a prestação de serviços especializados a pessoas com deficiências neurológicas e auditivas. A entidade também é a mantenedora do Centro Especializado em Reabilitação III – Ritinha Prates (CER III Ritinha Prates) e de uma Oficina Ortopédica. Entre os seus valores está o tratamento humanizado, além do respeito a conceitos éticos, morais, ambientais e filantrópicos. O HNRP atende atualmente 61 usuários internos com deficiências neurológicas severas e irreversíveis, e o CER presta atendimento a 500 usuários ao mês.
Link
Tags »
Notícias Relacionadas »
Comentários »