26/07/2019 às 09h57min - Atualizada em 27/07/2019 às 21h00min

Homicídios no interior de SP atingem menor índice da série histórica

Números do 1º semestre registram queda também em todas as modalidades de roubos e furtos; prisões na região foram recorde para o período

Governo do Estado de São Paulo
Foto: Polícia Militar
O interior do Estado de São Paulo fechou o primeiro semestre do ano com redução nos homicídios, nos latrocínios e em todas as modalidades de roubos e furtos, segundo dados da Secretaria da Segurança Pública, divulgados na última quinta-feira (25).

As mortes intencionais recuaram 8% nos primeiros seis meses do ano, em comparação com igual período de 2018. Com 67 casos a menos, o indicador passou de 833 para 766. A quantidade de vítimas deste tipo de crime também reduziu, passando de 868 para 794 (8,5%). Os números são os menores já registrados na série histórica, iniciada em 2001.

Com as quedas, as taxas dos últimos 12 meses (de julho de 2018 a junho de 2019) ficaram em 6,61 casos e 6,84 vítimas para cada grupo de 100 mil habitantes – as menores para o período, se considerada a série histórica.

Os latrocínios caíram 39,3%, com 24 ocorrências a menos. De janeiro a junho deste ano, foram registrados 37 casos, contra 61 em igual período do ano anterior. O número de vítimas desta modalidade criminosa recuou 38,1% (de 63 para 39). As quantidades são as menores da série histórica.

No período, as extorsões mediante sequestro reduziram 60%. Neste ano foram registrados dois casos no primeiro semestre, ante cinco em igual período de 2018. Nos seis primeiros meses de 2019, a região registrou dois casos a mais de estupros (de 3.535 para 3.537).

Roubos e furtos

O interior do Estado fechou o semestre com redução em todas as modalidades de roubos e furtos, se comparado a igual período do ano anterior. Com 4.256 casos a menos, os roubos em geral tiveram queda de 12,9%, passando de 32.918 para 28.662. É o menor número da série histórica.

No indicador roubos de veículo, a redução foi de 17%, com 1.119 ocorrências a menos (de 6.594 para 5.475). A quantidade é a menor da série histórica.

Os roubos a banco recuaram 93,3%, passando de 15 para 1. O número é o menor registrado na série histórica. A queda no indicador de roubos de carga foi de 21,6%, com 241 ocorrências a menos (de 1.116 para 875).

Os furtos em geral reduziram 2,3%, com 117.547 casos registrados de janeiro a junho deste ano, ante 120.317 em igual período do ano passado. A tendência se estendeu para os furtos de veículo, que caíram 13% (de 18.223 para 15.855). Ambas as quantidades são as menores da série histórica.
Outros indicadores

Nos primeiros seis meses do ano, o trabalho das polícias paulistas resultou em 63.997 prisões no interior de São Paulo – um aumento de 8,3% e recorde para o período. Além disso, 17.306 flagrantes de tráfico de drogas foram registrados e 4.196 armas de fogo foram retiradas das ruas no período.
Link
Tags »
Notícias Relacionadas »
Comentários »