06/06/2019 às 11h12min - Atualizada em 06/06/2019 às 11h12min

Zoológico Municipal de Rio Preto abre recinto de imersão das aves

Novo espaço dá mais conforto aos animais e permita e realização de visitas monitoradas, em que a observação é feita de maneira mais aproximada

Assessoria de Imprensa
Foto: Marcos Morelli
A prefeitura de Rio Preto, por meio da Secretaria do Meio Ambiente e Urbanismo, apresentou nesta quarta-feira (5/6) o novo recinto de imersão das aves (passeriformes) do Zoológico Municipal. A atração vai permitir que os visitantes entrem no viveiro e observem os animais mais de perto. A novidade é parte da programação da Semana Integrada do Meio Ambiente, realizada de 31 de maio a 9 de junho.

“Os recintos de imersão são amplos e proporcionam mais conforto aos animais, além de permitir que os visitantes se aproximem, de maneira segura”, afirma Samuel Villanova Vieira, biólogo do zoológico. O espaço tem 144 metros quadrados e pé-direito de 4,5 metros de altura. Atualmente, o recinto tem 43 animais, a maior parte deles pássaros de espécies como trinca-ferro, azulão, pássaro preto, canário da terra, canário belga, pássaro mandarim, tuim e periquito. Além disso, o viveiro tem outras aves ─ como diversas espécies de marrecos ─, tartarugas e peixes. “O recinto pode receber novos animais, desde que sejam indivíduos resgatados pela Polícia Ambiental ou pelo Ibama e que não possam voltar à natureza. A capacidade é para até 200 animais”, completa Samuel.

Por enquanto, a vivência no interior do recinto de imersão será feito por meio de visitas monitoradas, realizadas por escolas e centros sociais, ou então visitas técnicas, para grupos de estudantes de cursos superiores, como biologia e medicina veterinária. Posteriormente, o plano é que sejam realizadas visitas abertas aos públicos, orientadas por monitores. Está em obras ainda um segundo recinto de imersão, que terá as araras como principal atração.

A escola municipal Ruy Nazareth, do bairro Jaguaré, levou um grupo de aproximadamente 60 alunos para visita ao zoológico e também para conhecer o novo recinto. “Achei muito legal e aprendi muito mais sobre animais. Gostei do lobo-guará, do leão. Eu gosto muito dos animais”, diz a estudante Maria Fernanda Vitória Liebano Minharro, 9 anos, que participou da visita. Ao falar do recinto de imersão, ela ainda mostrou um pouco do que aprendeu: “Eles são muito fofinhos. Queria ter um em em casa, mas não posso, então venho aqui no zoológico ver.”

Para a abertura do recinto de imersão, o complexo recebeu também um grupo de estudantes do 5º ano de medicina veterinária, que fizeram uma visita técnica acompanhada pelo gestor do zoológico, Ciro Cruvinel. Eles tiveram a oportunidade de conhecer espaços não abertos ao público, como a área de quarentena, onde ficam os animais em recuperação.

“Nós temos um semestre da disciplina de animais silvestres, com uma carga teórica muito grande e falamos sobre o papel do zoológico moderno, do bem-estar animal. Então, o Zoológico Municipal nos recebe de maneira muito gentil para mostrar o seu funcionamento, como é uma cozinha, uma área de quarentena, um setor extra, o que muito importante para a formação do aluno. Colhemos frutos positivos. Esta já é a quarta turma que realiza visita técnica neste semestre”, afirma a professora Tatiana de Andrade Cruvinel, que acompanhou o grupo.
 
Link
Tags »
Notícias Relacionadas »
Comentários »