23/05/2019 às 15h45min - Atualizada em 23/05/2019 às 15h45min

EUA mudam postura sobre entrada de Brasil na OCDE

Em março, governo americano prometeu apoiar ingresso do Brasil na OCDE.

MBL NEWS
O governo dos Estados Unidos, liderado pelo presidente Donald Trump, cumpriu nesta quinta-feira (23) a promessa feita ao presidente Jair Bolsonaro sobre a entrada do Brasil à OCDE (Organização para a Cooperação e o Desenvolvimento Econômico).

O anúncio foi feito durante reunião ministerial da entidade em Paris sobre melhores práticas econômicas, envolvendo a maioria dos países desenvolvidos.

A promessa de apoiar a entrada do Brasil foi feita por parte dos EUA durante encontro entre os presidentes de ambas as nações em março. O presidente Jair Bolsonaro aceitou abrir mão do tratamento especial na 
Organização Mundial do Comércio (OMC) para aderir à OCDE.

“Hoje na OCDE os EUA expressaram de modo claro e oficial seu apoio ao pleito do Brasil de ingressar na OCDE, uma prioridade do presidente Jair Bolsonaro”, comemorou o Itamaraty via Twitter.

A comitiva brasileira não esperava uma manifestação formal da delegação americana sobre o tema. Entretanto, o processo de ingresso na entidade deve ser demorado e, após se iniciar de fato, ainda deve demorar cerca de dois até cinco anos.

“A questão não é se apoiam ou não. Creio que já superamos essa etapa. A questão é: como vamos traduzir esse desejo político em instruções específicas para avançar”, explicou o secretário-geral da OCDE, Angel Gurría. “O que aconteceu agora é que houve novos eventos, novas informações. E dados esses eventos e informações, nós vamos começar a discutir de novo e tentar movimentar a agenda.”
Link
Tags »
Notícias Relacionadas »
Comentários »