22/02/2019 às 12h12min - Atualizada em 22/02/2019 às 12h12min

Ensino Médio da Escola Hans Wirth de Salmourão supera metas propostas no índice do IDESP

O IDESP e as metas fixadas servem para nortear o trabalho da equipe da escola na direção desta melhoria do ensino e da gestão escolar

Lucas Reis, especial para o AtaNews
A direção, coordenação e professores da Escola Hans Wirth de Salmourão - Foto: Lucas Reis
Os alunos do 3º Ano do Ensino Médio da Escola Hans Wirth de Salmourão conseguiram superar as metas propostas pela Secretaria Estadual de Educação e obtiveram ótimos resultados no Índice de Desenvolvimento da Educação do Estado de São Paulo (IDESP). Esse índice é o indicador que avalia a qualidade das escolas estaduais paulistas em cada ciclo escolar e permite fixar metas para o aprimoramento da qualidade da educação em todo o Estado.

O IDESP e as metas fixadas servem para nortear o trabalho da equipe da escola na direção desta melhoria do ensino e da gestão escolar, com o apoio da Secretaria de Estado da Educação. No ano de 2017, os alunos do último ano do ensino médio da unidade escolar obtiveram a nota 1,45 e a Secretaria de Educação definiu como meta para 2018, a marca de 1,64 de pontuação. 

A soma do desempenho obtido pelos alunos no SARESP/2018 associada ao fluxo escolar, que engloba a análise de alunos retidos e também evasões escolares, fez a escola conseguir a nota 2,20, ficando acima da meta estabelecida, atingindo com folga o índice de cumprimento de metas que ficou na casa dos 120%. As metas para 2019 estão sendo estudadas e serão oportunamente publicadas pela Secretaria de Estado da Educação.

A reportagem do Portal de Notícias AtaNews esteve na escola, conversando com a Diretora Luciani Gorni e com a Vice Diretora Leila Fortuna, que explicaram como funcionam os cálculos para se chegar aos resultados obtidos. Luciane e Leila lembram que há pelo menos dois anos, os resultados vinham ficando abaixo das metas, mas com todo o esforço e trabalho dos professores, coordenação e direção da escola nesse último ano, os resultados superaram as metas estabelecidas.

Luciani destaca também que o desempenho dos alunos vem melhorando progressivamente e que ainda existe muito trabalho a ser feito, além de estar muito contente com o resultado das avaliações. "Estamos caminhando, evoluindo e trabalhando de uma forma incansável para melhorar esses índices a cada ano. É um trabalho que demanda tempo e muita dedicação, mas temos professores e uma coordenação muito capacitada e qualificada para que isso aconteça, basta apenas continuarmos nesse caminho.", relata a diretora.

No ensino fundamental, a nota ficou um pouco abaixo do esperado. A meta estabelecida era de 3,07,  e a escola alcançou os 2,99, mas vale ressaltar que houve um avanço nos resultados deste ano, uma vez que em 2017 a nota foi de 2,84, com evolução de 0,15 na pontuação, se compararmos esses últimos resultados com o ano de 2017.

Link
Tags »
Notícias Relacionadas »
Comentários »